Pular para o conteúdo

Adolescentes são flagrados furtando escola na capital

Dois adolescentes, um de 14 e outro de 15 anos, foram presos em flagrante na noite do último domingo, 12. Eles tentavam furtar a Escola Marina Vicente Gomes localizada na Rua 26 de Julho, no bairro Boa União.

De acordo com a polícia, quatro suspeitos tentavam pular o muro da escola com os objetos furtados dentro de sacos plásticos, quando foram surpreendidos por uma guarnição da Polícia Militar que passava pelo local. Dois suspeitos conseguiram escapar da polícia.



A coordenadora administrativa da escola, Nágila Cristina, os suspeitos ainda conseguiram arrancar alguns ventiladores da parede e também quebraram as fechaduras das portas, entre outros objetos.

“Eles quebraram quase todas as fechaduras. Foram na despensa, tiraram os alimentos, arrancaram os ventiladores, bagunçaram tudo. Mas uma vez, a escola foi invadida de novo”, reclamou.

Ela informou ainda que esta foi à segunda vez no mês que a escola foi invadida. “Na semana passada, a secretaria mandou trocar todas as fechaduras, porque tinham levado todas as chaves. Nada dessas coisas foram recuperados. Até as bolas de futebol utilizadas pelos alunos foram furtadas. E ontem [domingo, 12] à noite levaram quase tudo de novo”, falou.

Os jovens foram liberados após os pais assinarem um termo de compromisso. “O procedimento legal nesses casos, onde não há violência é a lavratura do boletim de ocorrência circunstanciado. O menor é interrogado e os pais assinam um termo se comprometendo a comparecerem uma audição”, afirmou a coordenadora da Delegacia Especializada de Proteção à Criança e ao Adolescente (Depca), Elenice Frez.

Todos os objetos furtados foram recuperados, pois os suspeitos deixaram para trás no momento da fuga.

 

Foto/ Divulgação
Foto/ Divulgação
error: Conteúdo protegido!!!