Pular para o conteúdo

Jovem do Acre representa Amazônia no Mundial de Taekwondo, na Coreia do Sul

Com apenas 13 anos, Liriel Dara é a primeira atleta acreana a fazer parte da seleção brasileira de taekwondo. Ela é a única representante da Amazônia convocada para o Campeonato Mundial Cadete de Taekwondo, em Muju, na Coreia do Sul, entre os dias 23 e 26 de agosto. A equipe do Brasil conta com 13 lutadores, na qual Liriel é titular na categoria até 44 quilos. Considerada a maior promessa do taekwondo local, Liriel é projetada para brigar por vaga nas Olimpíadas de 2020, em Tóquio, no Japão.

A comemoração acreana veio em dose dupla. Isto porque o presidente da Federação Acreana de Taekwondo, Itacy Camargo, não apenas acompanha Liriel no Mundial, como também foi convidado para compor a delegação brasileira no campeonato.



Liriel treina taekwondo desde os 3 anos de idade. Incentivada pelo irmão, que é faixa-preta, a jovem acreana tomou gosto pela arte marcial e intensificou os treinamentos nos últimos dois anos.

No ano passado, Liriel ganhou medalha de bronze no Campeonato Brasileiro e foi campeã da Copa Brasil em sua categoria. Com boa pontuação no ranking nacional, a acreana disputou a seletiva para a seleção brasileira de taekwondo, onde venceu atletas do Paraná, Rio Grande do Sul e São Paulo.

Itacy Camargo exalta o talento de Liriel e projeta a jovem taekwondista nas Olimpíadas de 2020, em Tóquio. “Ela é o fruto de um projeto chamado ‘Acre Taekwondo Olímpico 2020’. Ela entrou agora na seleção cadete e a nossa projeção é que ela suba para a juvenil e depois chegue à seleção adulta, para então brigar por uma vaga nas Olimpíadas de 2020”, disse o presidente ao Portal Amazônia.

Mesmo sendo a estreia de Liriel em competições internacionais, Itacy acredita que a promessa acreana pode voltar com medalha. “Ela tá bem focada nesse Mundial. A questão da tensão e até mesmo do fuso horário podem atrapalhar um pouco, mas estamos confiantes que ela possa subir no pódio”, projetou.

Ainda de acordo com o presidente, Liriel já confirmou participação em outros dois campeonatos: oPan-Americano do México, que ocorre de 8 a 11 de setembro, na cidade de Aguascalientes, e oOpen Cidade Maravilhosa, no Rio de Janeiro, em outubro.

“A gente lutou bastante por esse momento, foram muitos treinos para cumprir com nosso papel de atleta. Agora é pensamento positivo e vamos conseguir essa vitória, se Deus quiser”, disse a jovem Liriel.

 

error: Conteúdo protegido!!!