Pular para o conteúdo

Agepen atira acidentalmente na própria perna durante plantão em presídio

O agente penitenciário Maxison da Silva Machado, de 33 anos estava em um dos pavilhões do Presídio Estadual Dr. Francisco D´Oliveira Conde quando, de acordo com informações, foi manusear a arma e efetuou um tiro acidental que atingiu a coxa esquerda.

O agente foi socorrido por colegas e encaminhado ao Pronto Socorro de Rio Branco, onde após ser medicado e ser constatado que não houve fratura no osso foi liberado pelos médicos.



O presidente do Sindicato dos Agentes Penitenciários do Acre (Sindap-AC), Adriano Marques, disse que ao conversar com Maxison ficou sabendo que a arma falhou.

“Ele foi consultado por dois médicos que falaram que nenhum osso foi quebrado. Depois desses procedimentos, conversei com ele, que disse que houve uma falha na arma. Ele trabalha há mais de sete anos no instituto, o curso de tiro dele está válido e avaliação psicológica em dia. Nunca houve ocorrência envolvendo esse servidor”, disse.

error: Conteúdo protegido!!!