Rapaz de 17 anos é executado a tiros enquanto conversava na frente de casa

O criminoso teria fugido a pé após o homicídio
O criminoso teria fugido a pé após o homicídio

Mais uma execução foi registrada em Rio Branco. Já são mais de 30 casos de homicídio desde o começo do ano. O crime aconteceu na noite de quinta-feira, 31. O adolescente E. P. S., de 17 anos, foi assassinado com três tiros, enquanto conversava com um amigo na frente de casa, localizada no residencial Cabreúva, na Baixada da Sobral.

De acordo com informações, todas as noites um grupo de jovens se reunia no local. Mas, na noite de quinta, estavam só E. P. S. e um amigo. Um homem desconhecido, que usava uma jaqueta do Exército, se aproximou dos dois e puxou uma arma. O estranho disparou várias vezes contra Eduardo, que teve morte instantânea.

Segundo a polícia, no local ninguém quis falar detalhes. Só disseram que o criminoso fugiu a pé, mas antes um carro teria passado pelos rapazes como se observasse quem seriam. Em seguida, o homem surgiu já atirando.

A polícia ainda não sabe se a vítima tinha alguma passagem pela polícia, ou se foi morto por engano. A única certeza é que foi uma execução, pois o adolescente foi atingido com pelo menos três tiros e o amigo, que estava próximo, nada sofreu.

Assuntos desta notícia