Coluna Golaço – 27/11/2017

Lucas Lima:
o novo Ganso?
Até pouco tempo, as semelhanças entre Lucas Lima e Paulo Henrique Ganso se restringiam apenas ao campo. Nas últimas semanas, porém, as afinidades ultrapassaram as quatro linhas. Deixemos de lado as inúmeras contusões de ambos. Em 2012, Ganso tinha a torcida santista aos seus pés em decorrência da conquista da Libertadores de 2011; esqueceu tudo isso e entrou em litígio com o clube e com o bom futebol. O resultado foi uma carreira aquém da imaginada por ele, pela torcida e por nós da imprensa esportiva. Lucas Lima parece enveredar pelo caminho de Ganso: má vontade na hora de entrar em campo, apreço por propostas fantasiosas e a possível ida para um rival paulista. Tudo está igual, resta saber se o discípulo voltará a jogar futebol ou terminará da mesma forma que seu mestre.

Brasileirão
A penúltima rodada do Brasileirão segue neste domingo, 26, com oito jogos. Na Arena Corinthians, às 14h*, o Timão recebe a faixa e a taça de campeão. O convidado será o Atlético Mineiro, que ainda nutre a possibilidade de alcançar o G-7. No Mineirão, no mesmo horário, o Cruzeiro enfrenta o Vasco também para cumprir tabela. O cruzmaltino, por sua vez, sonha comer pelas beiradas, como um típico mineiro, para abocanhar uma vaga na Libertadores 2018. Jogo da vida para o Coritiba diante do São Paulo, também às 14h, no Couto Pereira. O desespero do Coxa é a proximidade da zona de rebaixamento (apenas quatro pontos). Uma vitória significa permanecer na Série A no ano que vem. O São Paulo já não tem mais o que almejar na competição. Na Arena do Grêmio, às 14h, o time da casa entra em campo com o time reserva para encarar o rebaixado Atlético Goianiense. Jogo típico dos canais secundários da Tv por assinatura. Se em Porto Alegre a emoção passa longe, o mesmo não se pode falar de Campinas, onde Ponte Preta e Vitória tentam fugir do rebaixamento, às 14h*. Só a vitória interessa as duas equipes, pois uma derrota para qualquer lado pode selar o rebaixamento à Série B. Outro que precisa vencer é o Avaí, que duela com o Atlético Paranaense na Ressacada, em Florianópolis, ainda às 14h*. Se quiser permanecer na elite do futebol brasileiro, o Leão catarinense precisa dos três pontos. Caso contrário, adeus Série A.
Na Ilha do Urubu, no Rio de Janeiro, às 16h*, temos briga pelo G-4 entre Flamengo e Santos. O “arame liso”, ou melhor, o Mengão, mesmo com a possibilidade de conquistar a vaga direta na Libertadores 2018 via Copa Sul-Americana, pretende manter factível o caminho pelo Brasileirão. Um empate basta para o Peixe confirmar a vaga no torneio continental. O Bahia quer despachar a Chapecoense, na Fonte Nova, para continuar sonhando com o retorno à Libertadores, algo que não acontece desde 1989. A Chape está tranquila depois de escapar do rebaixamento na rodada passada. Outro que busca participar da Libertadores no próximo ano é o Botafogo, que vai até São Paulo para o duelo com o Palmeiras, na segunda-feira, 27, às 17h. O alvinegro carioca perdeu a chance de assegurar vaga no G-7 com os tropeços nas últimas rodadas, e agora corre atrás do prejuízo. O Verdão é um daqueles times que estão tranquilos na competição (já conseguiu o objetivo de Libertadores), O que pode ser uma boa para o Glorioso.

Assuntos desta notícia