Gazetinhas – 14/07/2019

*Recesso…

*Semana começa lenta, parlamentares de recesso tanto no Acre quanto em Brasília.

*Muitos, indo para os vales andinos do Peru… Outros, às belas praias do Nordeste…

*Enquanto isso, o eleitor segue confuso vendo a possibilidade da sua aposentadoria ir embora.

*Diga-se de passagem, quão confusa essa reforma! Tira daqui, emenda dali e acaba que o seu Zé e a Dona Maria ficam sem os R$ 998,00 já chorados.

*Tudo converge para que eu e você, leitor, busquemos uma previdência privada.

*No que depender da aposentadoria disponibilizada pelo governo… estamos mais fritos que mandim de Sena, em brasa.

*Passando pela redação o caro Dim…

*Ele disse que anda chateado porque não sabe fazer hambúrguer como o filho do presidente Bolsonaro.

*Calma Dim, você é artista. Vai para a Embaixada do Brasil na Itália, capisce?

*Ora, ora, senhor presidente, se a indicação de seu filho Eduardo Bolsonaro para embaixador nos EUA não for nepotismo, é o quê?

*A verdade é só uma: a familiocracia sempre dominou o Brasil. O povo não tem rei, mas é governado por famílias que apenas trocam de liderança.

*Veja o Acre. Éramos governados pelos Camelis, passou para os Vianas, agora retornou aos Camelis.

*Dim, que não deixa passar e observa atentamente eu escrever, tasca essa: será que 2020 ou 2022 volta para os Vianas?

*Bom, Dim, essa acho que posso arriscar responder. Se continuar em incertezas, tudo colabora para que volte sim. Se depender do ex-senador Jorge Viana…

* “O homem do refrigerante?”, indaga nosso chargista amado.

*Paramos por aqui… fecha a cortina.

*Povo da Saúde chiando mais que água em chaleira. Dizem eles que o governo cortou as gratificações…

*Isso não vai acabar bem…

*Uma greve geral na Saúde Pública de apenas 5 dias é o suficiente para um estrago sem fim.

*Cruz credo!

*Faz isso não Adailton Cruz.

*Governador Gladson Cameli sente com os sindicalistas da Saúde, por gentileza. Veja a possibilidade de pagar esses servidores!

*Um adendo: a maioria dos trabalhadores da Saúde trabalha no limite. São guerreiros. Saúde e Educação têm a camada de trabalhadores mais sofrida.

*Veja com carinho, governador Gladson!

*Bom dia a todos e bom domingo!

*Interino: JOSÉ PINHEIRO

 

Assuntos desta notícia