E daí? É a lei da selva!

Querido(a) leitor(a) do jornal A GAZETA, Paz e Bem. Começo este artigo perguntando: você sabe o significado de Responsabilidade? Uma das definições é: “dever de se responsabilizar pelo próprio comportamento ou pelas ações de outrem; obrigação”. Acontece que “responsa” também vem de resposta. Então a responsa ou responsabilidade é nossa. Por isto quem tem a responsabilidade somos nós! Ele, o Senhor, já nos deu o básico.

Os arquitetos e engenheiros que criaram um prédio de 40 andares já fizeram sua parte. Foi calculado para não cair! A responsabilidade agora é dos que erguerão o prédio! A obra a partir da base agora será deles!

Quem ora para que Deus cuide de tudo, ora errado. Há uma grande parte que cabe a nós, humanos. Se não fizermos, não acontecerá. É por isto que plantamos, semeamos e cultivamos. Deus não planta soja, milho, feijão, arroz e frutas. Agora é conosco!

O que não podemos isto sim, suplicamos a Deus que mande seus anjos para cuidar de quem amamos, mas, se temos maturidade e temos capacidade, não deixemos tudo para Deus. Ele nos dotou de inteligência, raciocínio e vontade para resolvermos muitas coisas por nós mesmos! Por isto somos animais racionais: RACIOCINAMOS.

Até os animais que são irracionais encontram outro jeito quando não dá do jeito de antes. A inteligência é um recurso maravilhoso que Deus deu a todos. Se alguém infelizmente não a desenvolveu cabe a nós ajudar. E saiba que a caridade também é um ato de inteligência. Entendemos e agimos em favor de quem não pode ou não consegue!

Vi o filme da manada com sede, indo para terras mais férteis. E atravessaram no lugar errado! Lançavam-se do barranco, nadando em manada e seguindo seu líder. Ali, os jacarés escolhiam os mais frágeis. E foi mortandade em massa.

Se os líderes da manada pudessem pensar e falar, talvez dissessem: E DAÍ? NA SELVA HÁ LEÕES, IENAS E JACARÉS. SEMPRE FOI ASSIM! ALGUNS INFELIZMENTE NÃO ESCAPARÃO! É A LEI DA SELVA!

Foi esta atitude fatalista, que nos últimos 30 anos, destinaram mais verbas para o que poderia esperar e deixou saúde e hospitais sucateados! Muitos hospitais fecharam. Servidores da saúde em geral desvalorizados.

Era a lei da selva e da “medicina de ponta”, para quem podia pagar, já que o nosso SUS pagava pouco. É só perguntem aos donos de hospitais que faliram!

E daí? O que os presidentes da época poderiam fazer, com portos, rodovias e estádios para construir?

Há quase 40 anos os doentes deixaram de ser prioridade! Também os leitos e as UTIs. Bons médicos fizeram o que podiam. Mas não tiveram forças.

Contudo, os gastos com os partidos e com o parlamento cresceram escandalosamente! Para eles nunca faltou verba!

Nem a peste que veio da China assustou os partidos. Continuam gastando horrores.

É a mentalidade do rico epulão narrado nos evangelhos: para eles nada falta. Para o enfermo e mendigo Lázaro nem migalhas sobram.

Jesus deixou claro que o inferno será para este tipo de gente!

Rezemos para o fim da pandemia no mundo e em especial no Brasil, terra de gente sofrida, mas sempre crente na esperança de um país melhor. Vale a pena acreditar. Paz e Bem.

Adaptado conforme https://www.facebook.com/padrezezinhoscj/

 

(*) Frei Paulo Roberto, Ordem dos Frades Menores Capuchinhos – OFM Cap. Pároco da Paróquia de Nossa Senhora Aparecida-Quintandinha-Petrópolis-RJ. Colaborador do Núcleo em Formação da Fraternidade da Ordem Franciscana

Secular-OFS, na Diocese de Rio Branco-AC. Encontro todo 3º domingo do mês na Paróquia Santa Inês, às 9h (atividades suspensas).

 

Assuntos desta notícia