Gladson anuncia convocação de novos policiais civis para outubro

O governador Gladson Cameli confirmou na quinta-feira, 17, a convocação e nomeação de 201 aprovados no último concurso público para a Polícia Civil do Estado, realizado em 2017. O anúncio ocorreu durante reunião com o secretário estadual de Justiça e Segurança Pública, Paulo Cézar Rocha dos Santos.

Com o chamamento, a Polícia Civil ganhará 28 novos delegados, 22 escrivães, 131 agentes de polícia e 20 auxiliares de necropsia. Os novos profissionais já concluíram a Academia de Polícia Civil (Acadepol) e estão aptos a ingressarem no serviço público.

De acordo com o gestor, a convocação dos aprovados ocorrerá em outubro. Já a nomeação dos futuros servidores da Polícia Civil acreana será publicada no Diário Oficial do Estado no mês de novembro. Com as datas previamente estabelecidas, Cameli cumpre mais uma promessa de governo e fortalece a Segurança Pública no enfrentamento à criminalidade.

“Já recebemos o aval das Secretarias de Planejamento e Gestão e da Fazenda para convocarmos e nomearmos os demais aprovados no concurso da Polícia sem que haja prejuízos às finanças do Estado e a folha de pagamento dos servidores. Este é mais um importante reforço que estamos assegurando para as nossas forças policiais, que estão com seus profissionais dia e noite nas ruas arriscando suas próprias vidas para proteger a nossa população”, afirmou Gladson.

Cameli também enfatizou que o desafio é realizar novos concursos públicos para a área da Segurança Pública e que tratará o assunto com prioridade. Atualmente, todas as instituições que integram as forças policiais do Estado estão com seus efetivos defasados.

“Sei da necessidade da realização de novos concursos para as polícias e o quanto isso é fundamental para que possamos fortalecer ainda mais as nossas instituições. A nossa luta será por conta do teto de gastos e vou recorrer a quem for necessário para que nos dê a garantia jurídica necessária para podermos realizar estes concursos”, declarou.

Em menos de dois anos esta é a terceira convocação de novos servidores públicos que o governador Gladson Cameli faz somente na Segurança Pública. No ano passado, 247 policiais militares foram chamados e, recentemente, 67 profissionais integraram os quadros da Polícia Civil.

Reforço na Polícia Civil é mais um compromisso da gestão Gladson Cameli com a Segurança Pública

O secretário Paulo Cézar enfatizou que os 202 futuros profissionais será crucial para a reestruturação da Polícia Civil e ampliação no número de investigações. Além de Rio Branco, o reforço atenderá municípios do interior que estavam com déficit de efetivo há vários anos.

“Com esta autorização do governador Gladson Cameli, teremos condições de dotar as delegacias da capital de efetivo para a retomada de investigações que atendem as necessidades da sociedade, e, principalmente, levar aos municípios isolados, que carecem de efetivo adequado para conduzir investigações”, ressaltou.

Paulo Cézar aproveitou a oportunidade para destacar que, mesmo em meio a crise financeira provocada pela pandemia do coronavírus, a atual gestão não vem medindo esforços para garantir o fortalecimento das forças policiais.

“Essa convocação garante à Polícia Civil um efetivo adequado às suas finalidades e integralidade de suas competências legais. Isso é fruto da sensibilidade e do compromisso do governo com a Segurança Pública e, consequentemente, com a sociedade acreana”, analisou. (Wesley Moraes / Secom Acre)

Assuntos desta notícia