Artigo: Gaslighting 

Gaslighting tornou-se uma das táticas mais difundidas e destrutivas da mídia atual e de alguns governos. É exatamente o oposto do que nosso sistema político deveria ser. Trata-se de mentiras e coerção psicológica, e não da verdade e do discurso intelectual.  Se você̂ já se perguntou se você̂ é louco (a), não é.  Pessoas loucas não são sãs o suficiente para se perguntar se são loucas.  Então, confie em si mesmo, acredite no que está́ em seu coração.

Um pouco de Nietsche, pois considero oportuno o pensamento para os tempos sombrios que estamos vivendo. “Depois que o vento me opôs resistência eu velejo com todos os ventos”.

São os momentos de dificuldades, injustiças e sofrimentos que nos ajudam a evoluir. Aproveitemos para irmos de encontro a nossa essência, para ir de encontro a nossa força interior; transformemo-nos e não deixemos que nada e ninguém nos anule. Fiquemos mais fortes, firmes para velejar com qualquer tipo de vento.

E lembremo-nos de outro grande pensador, Sófocles: “O que as pessoas acreditam prevalece sobre a verdade. Não nos permitamos sermos manipulados.


Beth Passos 

Jornalista

E-mail: [email protected] 


Assuntos desta notícia