ARTIGO – A ação e a inércia 

Prestes a iniciar uma campanha nacional de vacina, o governo brasileiro envia o maior avião cargueiro brasileiro para treinar (?) nos EUA.

Enquanto isso, artistas se mobilizam para compra de cilindros de oxigênio, ventiladores e outros equipamentos médicos, porém, encontrando todo tipo de dificuldades para o transporte, visto que o oxigênio é altamente inflamável e tem modo certo para ser transportado seguramente.

Sabe o que ajudaria no transporte dos insumos que a classe artística e o povo brasileiro está se mobilizando para transportar para Manaus? Isto mesmo: o maior cargueiro brasileiro que está nos EUA para “treinar”.

É um dos 4 KC-390, usados na pandemia, ficará fora até fevereiro; porém a FAB não vê prejuízo. Talvez porque os parentes deles não precisam de oxigênio.

E o Whindersson Nunes, o youtuber que todo mundo zoava, fazendo mais que o governo federal, puxando vários artistas para comprar respiradores para Manaus, e conseguindo a adesão de muitos.

Vendo artistas, que são profissionais liberais como eu, que pagam impostos como todos nós, doando oxigênio para salvar vidas em Manaus. Perguntar não ofende: e as igrejas, que são isentas de impostos, já doaram?


Beth Passos é jornalista 

E-mail: [email protected]


Assuntos desta notícia