Preço da gasolina se aproxima dos R$ 6 em Rio Branco e consumidores reclamam

Os preços da gasolina e do diesel foram reajustados na última sexta-feira (19) e já foram repassados ao consumidor e é claro que não faltam reclamações. Um levantamento feito a partir dos dados da agência nacional do petróleo mostrou que o preço da gasolina varia até 30% entre os estados

Mesmo assim, o acreano continua pagando pela gasolina mais cara do Brasil. Com esse último aumento anunciado pela Petrobras em Rio Branco, o preço médio desse combustível está custando entre R$ 5,70 e R$ 5,75.

Com esse preço médio, ao abastecer 20 litros de gasolina, o valor final na bomba é de R $114,98. Comparando com o litro no valor de R $4,12, valor praticado no estado do Amapá, o mais baixo entre os estados, o valor pago pela mesma quantidade de gasolina seria de R$ 82,40 – uma diferença de mais de R$ 32.

O sindicato dos postos de combustíveis do Acre emitiu nota para esclarecer que os aumentos ocorrem principalmente nas refinarias e que são repassados para as distribuidoras e em seguida para os postos. O preço pago pelo consumidor final é composto por quatro fatores:

  • Preço do produto ou importador
  • Carga tributária
  • Custo do etanol obrigatório
  • Margem de distribuição e revenda

Protesto

Motoboys e alguns motoristas de aplicativo se reuniram em um posto de Rio Branco, na terça-feira (24), para protestar contra o aumento do combustível. Eles abasteciam apenas R$ 1 e pedia nota fiscal do serviço. (G1/AC)

Assuntos desta notícia