Pular para o conteúdo
Ajuda João

Mãe pede ajuda para comprar cadeira para filho com paralisia cerebral

A cadeira custa R$ 6.610,0 e a mãe ainda precisa de cerca de R$2.000

João tem apenas 2 anos e 10 meses e precisa de cadeira de rodas que custa R$6.610,0 (Foto: Arquivo pessoal)

Com dois anos e 10 meses de idade, a vida do pequeno João se torna difícil por viver com encefalopatia crônica não evolutiva (ECNE), uma forma de paralisia cerebral. Para melhorar no cotidiano e na locomoção do filho, Daiana Barroso, estudante, de 21 anos, está pedindo doações para conseguir comprar uma cadeira de rodas específica para João.

A cadeira custa R$6.610,0 e a mãe conseguiu, até o momento, R$4.500. Toda ajuda pode ser enviada pelo Pix: 68 999013124. A criança necessita de ventilação mecânica e possui uma sonda alimentar fixa. Daiana explica ainda que ele vive deitado e que a cadeira vai trazer vários benefícios.

“Ele precisa da cadeira para sentar, porque ele só vive deitado, é uma criança acamada. Ele está ficando com escoliose, por passar muito tempo deitado. Também vai ajudar na alimentação e na postura, porque a cadeira vai deixar ele mais sentado, equilibrando mais o pescoço e melhorar as questões motoras”, relata a mãe.

O peso do filho também dificulta o transporte e já afeta Daiana. “Já imaginou uma criança que passa o dia todinho deitada numa cama, sem poder passear? Eu não consigo carregar mais ele por muito tempo, já estou tendo dores nas costas. Até para levar para exame, para passear… Espero tocar o coração das pessoas para ajudarem com a quantia que der”, pede a mãe.

Entenda o caso

João Barroso nasceu na cidade de Ipixuna, no Amazonas, e foi internado dois dias depois com o diagnóstico de ECNE. Logo em seguida foi transferido para o hospital de Cruzeiro do Sul e depois para o Hospital da Criança, em Rio Branco, onde ficou internado durante um ano. Hoje, João e a mãe, a estudante Daiana Barroso, vivem na capital acreana, por conta dos atendimentos que a criança realiza.