Pular para o conteúdo
Em Sena Madureira

Com scanner quebrado, mulheres tentam entrar em presídio com droga escondida nas partes íntimas

Equipamento havia quebrado no dia anterior, mas voltou a funcionar no último sábado

Droga foi encontrada no chão do banheiro e dentro dos vasos sanitários. (Foto: Iapen)

Cerca de 988 gramas de droga, entre maconha e cocaína, foram apreendidos na Unidade Penitenciária Evaristo de Morais, em Sena Madureira, no último sábado,25.  O material foi encontrado no banheiro dos visitantes e a suspeita é de que cerca de 20 mulheres tenham deixado as drogas no local, após descobrirem que o aparelho de scanner corporal estava funcionando.

De acordo com as informações do Iapen, o aparelho que detecta armas, drogas e outros itens proibidos, havia quebrado no dia anterior, dessa forma algumas visitantes haviam levado pacotes de droga escondidos nas partes íntimas e pretendiam entregar para os presidiários. Entretanto, o equipamento foi consertado e no sábado já estava em funcionando.

Ao saberem do funcionamento do scanner, as mulheres teriam ido ao banheiro para se livrarem das drogas. Os policiais do Iapen perceberam uma movimentação na área dos banheiros e encontraram parte dos entorpecentes jogados no chão. Após o período da visitação, em outra vistoria, mais droga foi encontrada dentro dos vasos sanitários.

Nenhuma visitante foi pega em flagrante durante as revistas.

Leia também: Polícia impede plano de fuga do Complexo Penitenciário de Rio Branco