Pular para o conteúdo
49° tentativa do ano

Policiais penais descobrem buraco em parede de cela e impedem mais um plano de fuga

Dois presos que cumpriam isolamento preventivo por falta disciplinar na cela do Complexo Penitenciário de Rio Branco

Buraco foi encontrado durante vistoria de estrutura da cela, na última sexta-feira,19. (Foto: Iapen)

O Instituto de Administração Penitenciária do Acre (Iapen/AC) registrou a 49° tentativa de fuga do ano, no Acre. Dessa vez, o início de um buraco foi encontrado na parede de uma cela no Complexo Penitenciário de Rio Branco, na última sexta-feira, 19. Os policiais penais encontraram ainda cinco pedaços de ferro, uma corda artesanal e um estilingue.

O buraco e os objetos estavam na cela 12, do pavilhão C, onde haviam dois presos que cumpriam isolamento preventivo por falta disciplinar. A equipe de plantão descobriu a tentativa de fuga na manhã de sexta, durante um procedimento de verificação de estrutura do local.

A cela foi desocupada para realização de reparos e os presos foram encaminhados para outra cela. O Iapen informou ainda que um procedimento administrativo será aberto para apuração dos fatos.

Os policiais penais encontraram ainda cinco pedaços de ferro, uma corda artesanal e um estilingue. (Foto: Iapen)

Quase 50 tentativas em 2021

Com o último caso registrado nesta sexta-feira, 19, o Instituto de Administração Penitenciária (Iapen) registra 49 tentativas de fuga dos presídios do estado, neste ano, até o momento. O número é mais que o dobro do ano passado, em que houve 18 tentativas. Entretanto, os dados apontam uma queda na quantidade de fugas realizadas: em 2020, foram registradas 31 fugas e até outubro de 2021, os casos caíram para sete.

Em outubro, o órgão anunciou que vai construir duas novas guaritas, com cerca de quatro metros quadrados, sobre as muralhas da Unidade de Regime Fechado 1, conhecida como “Chapão”. O objetivo é evitar ainda mais fugas dos presídios.

Leia mais em: Presídios do Acre registram 48 tentativas de fuga em 2021