Pular para o conteúdo
Cruzeiro do Sul

Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher e de Proteção à Criança e ao Adolescente é inaugurada

O espaço foi reformado e readequado para receber as vítimas que procurarem pela unidade, concedendo melhores condições para os policiais responsáveis pelo atendimento das ocorrências

Foto: Pedro Devani/Secom

O governador Gladson Cameli e a primeira-dama Ana Paula Cameli participaram, nesta quarta-feira, 15, da cerimônia de inauguração da Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher e de Proteção à Criança e ao Adolescente (DEMPCA), em Cruzeiro do Sul.

“Este espaço representa para todos nós valorizar e respeitar a dignidade das mulheres, crianças e adolescentes, que necessitam da nossa proteção e cuidado, os quais temos por dever oferecê-los”, enfatizou o governador.

O espaço foi reformado e readequado para receber as vítimas que procurarem pela unidade, concedendo melhores condições para os policiais responsáveis pelo atendimento das ocorrências. A DEMPCA atende requisições do Ministério Público, da Vara da Infância e da Juventude, da 1ª e 2ª varas criminais, além de fornecer o suporte e o atendimento necessários às demandas encaminhadas pelo Conselho Tutelar, CREAS, CRAS, hospitais e Polícia Militar.

A DEMPCA possui constante fluxo de pessoas, em sua maioria vítimas de violência doméstica, familiar e sexual, e também atende denúncias encaminhadas pelo Disk 100.

O espaço foi reformado e readequado para receber as vítimas que procurarem pela unidade, concedendo melhores condições para os policiais responsáveis pelo atendimento das ocorrências (Foto: Pedro Devani/Secom)

Em seu discurso, o chefe de Estado falou sobre a importância da humanização no atendimento a essas vítimas. “O atendimento a essas cidadãs e cidadãos da nossa região é uma necessidade urgente, que busca em cada um de nós a sensibilidade e a responsabilidade de pôr fim a verdadeiros preconceitos e abusos contra mulheres e nossas crianças e adolescentes. Devemos humanizar as relações entre administração pública e aqueles que buscam o serviço público”, disse Cameli.

Foto: Diego Gurgel/Secom

A primeira-dama, Ana Paula Cameli, após receber as chaves da delegacia em suas mãos, relembrou seu importante trabalho na luta por mulheres, crianças, adolescentes e idosos. “Sempre falo em meus discursos que meu público-alvo são nossas crianças e adolescentes, mulheres e idosos. É por eles que luto constantemente. Buscando parcerias e com união já conseguimos diminuir o índice de feminicídio em nosso estado”, ressaltou.

Ana Paula falou também sobre a implantação do projeto Maria da Penha vai à Escola na grade curricular das escolas estaduais. O projeto capacita educadores sobre a Lei Maria da Penha e acerca do acolhimento a crianças e adolescentes vítimas de violência.

O recurso para a realização da reforma é fruto do Convênio n° 858279/2017/MJ, fonte 200 – Convênio n° 858279/2017/MJ – R$ 221.621,91, fonte 600 – R$ 106.788,14 e a contrapartida do Estado, fonte 100 – R$ 73.695,24, totalizando um investimento de R$ 402.105,67.