Pular para o conteúdo
LOA

Governo sanciona orçamento para 2022 com previsão de R$ 7,8 bilhões

O orçamento foi aprovado pelos deputados estaduais na Assembleia Legislativa no dia 17 de dezembro, após ao menos três dias de debates

O governador do Acre, Gladson Cameli, sancionou em edição suplementar do Diário Oficial do Estado (DOE) nesta quarta-feira, 12, o orçamento previsto para este ano que prevê R$ 7.847.413.468,92 para o Estado.

O orçamento foi aprovado pelos deputados estaduais na Assembleia Legislativa no dia 17 de dezembro, após ao menos três dias de debates. Conforme a lei, a despesa fixada à conta de recursos próprios do Tesouro e de outras fontes (Convênios, Operações de Crédito, SUS, FUNDEB, recursos arrecadados pelos próprios órgãos e recursos previdenciários) observará a programação dos quadros anexos a esta lei e apresenta os seguintes desdobramentos por órgãos da Administração Direta e Entidades da Administração Indireta.

Deste valor, o governo estima que mais de R$ 5 bilhões sejam de recursos próprios, enquando mais de 2,5 bilhões venham de outras fontes. A LOA também estima os repasses a órgãos e entidades, como a Assembleia Legislativa, que deve receber R$ 188,5 milhões, o Tribunal de Contas, com R$ 64,3 milhões, o Tribunal de Justiça, com R$ 296,4 milhões, o Ministério Público do Acre com R$ 148,2 milhões, além da Defensoria Pública com repasse estimado em R$ 34,6 milhões.

Para as principais áreas como educação, Segurança pública e Saúde, o montante estimado é de R$ 1.753.805.133,09, R$ 997.731.464,57 e R$ 1.069.006.542,90, respectivamente.