Pular para o conteúdo
nesta sexta

Sobrevivente de acidente aéreo será transferido para UTI no Pronto-Socorro de Rio Branco

Conforme apurado pela reportagem, o quadro de saúde de Jorge Figueiredo é estável.

O mecânico aeronáutico Jorge da Silva Figueiredo, de 63 anos, um dos sete sobreviventes de um acidente envolvendo um helicóptero, no último dia 8, em Cruzeiro do Sul, interior do Acre, será transferido ainda nesta sexta-feira, 13, para uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) no Pronto-Socorro (PS) de Rio Branco, onde está internado desde o dia 10 de maio.

A informação foi repassada por familiares e confirmada pela direção do PS à GAZETA. Na quinta-feira, 12, familiares do trabalhador procuraram a reportagem no intuito de fazer um apelo para que ele fosse transferido para uma UTI, o que deve acontecer em breve, diante de uma nova avaliação neurológica a qual ele foi submetido. A família, assim como o mecânico, é natural do Rio de Janeiro.



O meu pai está em uma enfermaria de trauma, sem curativo e sem o colar cervical para proteger a lombar, sendo que meu pai deveria estar em uma UTI. Ele precisa de uma UTI ou de uma ala de queimados para não correr o risco de contaminar essa queimadura”, disse a filha do mecânico, Daniele Figueiredo, na quinta-feira, 12.

Conforme apurado pela reportagem, o quadro de saúde de Jorge Figueiredo é estável.

error: Conteúdo protegido!!!