Pular para o conteúdo
na transacreana

Mulher alega legítima defesa, mas é presa por esfaquear o marido no Acre

Durante uma discussão com o ex-marido, a mulher desferiu um golpe de faca na região abdominal da vítima, ocasionando lesão gravíssima que quase resultou na morte do homem

Na última quinta-feira, 12, após longas horas de buscas por diversos ramais da Transacrena, a indiciada foi encontrada e presa pelos policiais civis da 1ªDRPC (Foto: Ascom/PC)

Uma mulher de 48 anos foi presa, na quinta-feira, 12, acusada de tentar matar o próprio marido, em um ramal da Rodovia AC-90, Transacreana, em Rio Branco.

Segundo a Polícia Civil, o crime aconteceu no dia 2 de janeiro deste ano, quando, durante uma discussão com o ex-marido, a mulher desferiu um golpe de faca na região abdominal da vítima, ocasionando lesão gravíssima que quase resultou na morte do homem.



Ainda conforme a polícia, ela relatou que a discussão começou, na noite anterior aos fatos, quando o marido teve uma crise de ciúmes da companheira com o vizinho e, no dia seguinte, foi tirar satisfação com a mesma. No calor da situação, o ex-marido teria dado um soco na indiciada quando, em resposta à agressão, teria o esfaqueado.

Apesar as alegações, ela foi indiciada por tentativa de homicídio e teve a prisão preventiva decretada pela Justiça. A prisão foi efetuada por investigadores da Delegacia da 1ª Regional de Polícia Civil (1ªDRPC).

A mulher foi levada a Delegacia de Flagrantes (DEFLA) e ficará a disposição da justiça para audiência de apresentação e procedimentos cabíveis.

error: Conteúdo protegido!!!