Adolescente morta após sair com amigos da Expoacre teria sido estuprada, diz MP – Jornal A Gazeta

Adolescente morta após sair com amigos da Expoacre teria sido estuprada, diz MP

Após seis horas, a primeira audiência de pronúncia do trio suspeito de matar três adolescentes que desapareceram após saíram da Expoacre no dia 5 de agosto do ano passado não foi concluída na quarta-feira, 9, por falta de testemunhas. A nova data ainda não foi marcada, segundo Tribunal de Justiça do Acre (TJ-AC).

Durante a audiência, o Ministério Público sugeriu que uma das vítimas, a adolescente Amanda Gomes, de 14 anos, foi estuprada antes de ser morta. A ossada de Amanda foi achada no dia 23 de agosto de 2018.

Além de Amanda, Vitor Vieira de Lima, de 18 anos, e Isabele Silva Lima, de 13, foram mortos.

“Na verdade, há um depoimento no processo de que antes dela ter sido morta, foi estuprada pelo Francimar. Além do depoimento, tem também a pertinência, porque o crime em si foi cometido por força do ciúme que o rapaz tinha da moça. Agora, todos eles respondem, porque de alguma forma deram apoio”, afirmou o promotor Ildon Maximiniano.

Caso sejam pronunciados, Clenilton Araújo de Souza, de 26 anos, Francimar Conceição da Silva, de 27 anos, e Luiz Gonzaga vão a júri popular pela morte dos adolescentes. Eles são acusados de homicídio triplamente qualificado, estupro e ocultação de cadáver.

A advogada de Souza, Aliany de Paula, disse que nenhum dos três réus confessou os crimes e falou que a acusação não apresentou provas com relação à denúncia de estupro e, por isso, ela não poderia comentar a respeito. A reportagem não conseguiu contato com as demais defesas.

“A defesa rebate que não há provas, não há testemunha ocular, réu confesso, depoimento da vítima, que não se encontra viva, ou laudo”, disse.

Ao todo, 17 testemunhas foram ouvidas durante a primeira audiência de pronúncia, na 2ª Vara do Tribunal do Júri. Segundo a advogada, ao menos seis testemunhas da defesa ainda precisam ser ouvidas e por isso, a audiência precisou ser remarcada.

Assuntos desta notícia