Aí sim a conta vai ficar cara – Jornal A Gazeta

Aí sim a conta vai ficar cara

Nem foi sentida ainda, mas já pesou no bolso do consumidor a notícia de que as contas de luz vão subir, após a queda da liminar que suspendia o reajuste de 21,9% da energia elétrica no Estado. Em uma ação rápida, as Defensorias Públicas da União e do Estado do Acre irão interpor novo recurso contra a decisão do Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF1), com o objetivo de mais uma vez obter efeito suspensivo no reajuste.
Sobre o assunto, o defensor público Celso Araújo comentou que a decisão do tribunal federal causou certa “estranheza”. Mais estranho ainda é a informação de que, além deste reajuste em questão, já há previsão de um novo aumento em julho deste ano.
Em outras palavras, nem se acostume com esse reajuste nada ameno de 21%, pois logo poderá vir outro upgrade na sua conta de luz.
Se for isso mesmo, aí sim a fatura vai ficar cara. Imagina quando vier aqueles meses de bandeira vermelha! Fala-se em revisão tarifária, mas a verdade é que quase todas estas se convertem em aumento. Isso não pode. A sensação que passa ao consumidor acreano é que a agência reguladora, a Aneel, não está sendo suficiente para controlar e lidar com essa cascata de reajuste em cima de reajuste.
É preciso haver mais transparência nestas planilhas e revisões tarifárias. E instâncias também. Não pode ser “vem aí novo aumento na tarifa de energia”, e pronto. Caso contrário, isso vai se tornar mais uma novela recorrente para a Justiça.a

Assuntos desta notícia