Após 10 dias internado com pneumonia, morre professor de dança Alex Matos – Jornal A Gazeta

Após 10 dias internado com pneumonia, morre professor de dança Alex Matos

“Era uma pessoa sensacional”, diz amiga do dançarino

A morte do professor de dança Alex Matos comoveu centenas de internautas nas redes sociais. Ele morreu na madrugada desta segunda-feira, 26, após 10 dias internado com pneumonia, no Hospital de Urgência e Emergência de Rio Branco (Huerb). O sepultamento ocorre nesta terça-feira, 27, às 10h, no cemitério o Morada da Paz.

O dançarino era conhecido pelas coreografias ousadas e por sua alegria de viver. Logo que foi internado, amigos e conhecidos fizeram uma campanha de pedidos de oração nas redes sociais.

Amiga de Matos, a repórter Raíssa Ribeiro, ficou abalada ao receber a notícia. Emocionada, ela lembra momentos que viveu ao lado do amigo. “Nunca vi ninguém falar mal do Alex, ele era muito querido. Toda vez que tinha algo relacionado à coreografia falávamos com ele, já gravamos matéria juntos. Era uma pessoa sensacional. Guardarei sempre a serenidade, bondade e alegria dele”.

A coordenadora do concurso Miss Acre, Meyre Manaus, lamentou a morte do professor de dança. Ela fez a última visita ao amigo no domingo, 26. “Ao visitar Alex Matos, no pronto-socorro, fui informada pela família da melhora dele. Fiquei com esperança renovada. Hoje, recebo a triste notícia de seu falecimento. Fiquei arrasada. Uma pessoa prestativa que estava sempre pronto a ajudar. Durante vários anos me auxiliou na produção do concurso Miss Acre. Você fará falta, meu amigo Xandy”, publicou em sua rede social.

A presidente da Fundação Elias Mansour (FEM), Karla Martins, homenageou o coreógrafo em sua página de Facebook. “Há um silêncio… o corpo de baile aguarda o solista! Com seus passos firmes e harmoniosos o bailarino dança, seus pés estão descalços, seu figurino é singelo, ele executa assim sua coreografia principal, saindo de cena sob aplausos. No palco ficam as lembranças, o sorriso farto, a alegria de quem sempre lutou por espaço próprio, os cabelos cacheados esvoaçantes… a plenitude de ser feliz! Segue em paz, Alex Matos. Você dançou como nunca, lutou o quanto pode, mas nunca conseguiremos prever o último solo. Misto de saudades, lágrimas e admiração”.

A jornalista Anne Nascimento publicou, no seu Instagram, fotos de uma apresentação que fez com Matos e escreveu: “Tiramos essas fotos em 2012, no prêmio do MPE. O tema do evento era sobre o fim do mundo, daí o Alex me socorreu, porque não tinha par. Criamos, ou melhor, o Alex criou a coreografia em um dia. Queria passar a ideia de um casal que só tinha um dia pra se amar. E, óbvio, esquecemos a coreografia todinha e  fomos trabalhados no carão. Conseguimos. Deu certo. Como queria que fosse mentira. Como queria. Mas, onde tu estejas, continues fazendo o que sempre fez: rir, dançar, animar. Só tua presença já era sublime. Já tô com saudades, amigo”.

Assuntos desta notícia