Após novas gravações de Lula, PT vai representar outra vez contra Dallagnol – Jornal A Gazeta

Após novas gravações de Lula, PT vai representar outra vez contra Dallagnol

A divulgação da existência de 22 gravações inéditas e mantidas em sigilo de telefonemas do presidente Lula em 2016 vai fazer com que a bancada do PT na Câmara dos Deputados faça outra representação contra Deltan Dallagnol no Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP).

Em 2016, ficou conhecido o telefonema no qual Dilma Rousseff avisava a Lula sobre seu termo de posse.

No entanto, de acordo com reportagem do jornal Folha de S.Paulo e do The Intercept Brasil no último domingo, outras conversas indicavam que o petista não queria aceitar o convite de Dilma para ser ministro e só o aceitou após sofrer pressões de aliados.

Os diálogos mantidos em sigilo incluem uma conversa com Michel Temer.

A defesa de Lula também pretende juntar o assunto no recurso que tramita no STF sobre a suspeição de Moro.

Na época, os investigadores acharam que Lula aceitou o convite para ministro para ganhar foro junto ao STF. Os novos diálogos enfraqueceriam a tese.

 

Assuntos desta notícia