GAZETA 93,3FM Ouça agora

3 de outubro de 2022

PUBLICIDADE

Cláudio Porfiro

Cláudio Motta-Porfiro é romancista, cronista, poeta e palestrante. Membro da Academia Acreana de Letras. Email: [email protected]

A menina e o palhaço 

         Quase registro, logo aqui, que as melhores coisas sempre acontecem nas tardes de Domingo. Em louvor e em homenagem, é por isso que ninguém trabalha...

Caramelo 

                        Para a Helem Azevedo  Distribui simpatia, reverbera beleza Da vida que inicia, uma chama acesa Bela alma, belo corpo em atitude coesa Lábios lascivos são...

Flor de outono 

            Menina feliz, entre meninos             Alegria febril, toques de sinos             A infância rodeada de mimos             O início foi mesmo assim. Veio rápida e fugidia adolescência Bem...

Linda 

Para a Magie Santos                 Vejo-a, bela, em luzes palcos de balé                  Dúvidas atrozes, mas plenas de fé                  Linda, certamente; dá pra sentir até                  Oh, Deus,...

(Foto: Arquivo pessoal)

L o i r a 

Quem sabe num desses dias                  De ventos brandos, águas frias                  Decerto de mim não fugirias                  Se bem o credes, ou o sabias                  Cupido enxerido me...

Degradée 

                Morena moça, humilde e pacata                 Olhos vivazes lindos de serenata                 Sonha à noite sem pular uma data                 Vai a bela em passinho de princesa. Tom...

(Foto: Arquivo pessoal)

Amor líquido 

Para Zygmunt Bauman  A fluidez contínua dos tempos modernos  Verões, primaveras, outonos, invernos  Pouquíssimos sentimentos são ternos  A velocidade do vento é a mesma do...

Poema para a mãe morta 

                Eu quis fazer uma canção de ninar,                  Para pouco rir e muito chorar.                  Não era noite e nem era dia                  E a minha triste musa...

Poética

 Percorre-me a espinha um rápido calafrio  Esse torpor provoca em mim um arrepio  Pinto, rabisco, desenho, escrevo e negocio   Romances fartos em forma de prosa...