Coluna Política Local – 9.6.2019 – Jornal A Gazeta

Coluna Política Local – 9.6.2019

Indisponíveis
A Justiça determinou a indisponibilidade de bens de Rodrigo Damasceno por fraude em concurso. O ex-gestor, ao comentar sobre o assunto, atribuiu a culpa ao deputado Fagner Calegário, dono da empresa Calegário, que aplicou o certame. Rodrigo frisa que foi devido aos erros da empresa do deputado que se viu na obrigação de cancelar o concurso. Damasceno não poupou críticas ao parlamentar. Afirmou ser inocente e reforçou que “Calegário é quem deveria está respondendo e pagando o preço dos transtornos provocados à população de Tarauacá”.

Já era esperado
Nenhuma surpresa a menção da senadora Mailza Gomes (PP) como a mais influente entre os parlamentares da bancada federal do Acre que atuam na Câmara dos Deputados e no Senado Federal. Desde que assumiu o mandato tem feito um bom trabalho. Sempre a frente de debates importantes.

Muito bom
Muito comemorada a decisão da Justiça Federal da Bahia na qual determinou que o Ministério da Educação suspenda o bloqueio de verbas para a Universidade Federal do Acre (Ufac) e Instituto Federal do Acre (Ifac).

Decisão
A decisão foi tomada pela juíza Renata Almeida de Moura, da 7ª Vara Federal Cível e Agrária, em Salvador, em resposta a uma ação apresentada pelo advogado acreano Gabriel Santos. O descumprimento da medida acarreta em multa diária de R$ 100 mil.

Sempre
Já virou hábito o ex-senador Jorge Viana (PT) e o ex-prefeito de Rio Branco, Marcus Alexandre, se reunir para avaliar a atual situação política do país e do Estado. Na última sexta-feira voltaram a se encontram

Eleições
Nos bastidores o que se comenta é que as reuniões tem como foco a eleição de 2020. O PT, em tese, já estaria se articulando para uma candidatura própria.

Tempos estranhos
Em que pese a atual gestão no Acre, Jorge Viana diz que “o Acre vive tempos estranho”. “Hoje aqui em casa, recebi o amigo Marcus Alexandre. Entre um cafezinho e outro, conversamos sobre a vida, sobre esses tempos estranhos e os problemas vividos no Acre e no Brasil”, disse Viana.

Lamentações
Na ocasião, ele lamentou a situação do Acre. “É lamentável que passados oito meses das eleições os problemas do nosso povo sigam se agravando e nos desafiando a todos!”, destacou Jorge.

Elogios I
O petista aproveitou para rasgar elogios ao pupilo, Marcos Alexandre, que segundo ele, já fez muito pelo Acre e pela cidade de Rio Branco.

Elogios II
“O MA é um companheiro leal, um baita profissional, já fez muito pelo nosso Acre e por nossa Rio Branco e certamente ainda terá a oportunidade de cumprir grandes missões e belos desafios. Vamos dar tempo ao tempo e seguir conversando, trabalhando e sonhando com dias melhores para todos”.

Ou vai, ou racha
O pleno do TRE/AC decide a vida do deputado federal Manuel Marcus, bem como da deputada estadual Juliana Rodrigues, ambos do PRB, nesta segunda-feira, 10. Os são acusados de praticar abuso de poder político e econômico, gastos ilegais de verbas de financiamento de campanha e compra de votos, desviando verbas do Fundo Partidário Fundo Especial de Financiamento de Campanha Eleitoral destinados aos candidatos do PRB no Acre.

Bocalom no jogo
Os advogados do PSL e do ex-prefeito de Acrelândia, Tião Bocalom, que foi candidato a deputado federal nas últimas eleições e obteve quase 22 mil votos, ingressaram são os responsáveis pela Ação de Impugnação de Mandato Eletivo (Aime). Na ação, os advogados adicionam ainda uma série de informações adicionais com detalhes da Operação e até mesmo de levantamentos feitos por contra própria para embasar a decisão do Pleno do TRE do Acre, que deverá analisar ação. Eles pleiteiam que a votação de Manuel Marcos seja anulada e com isso Bocalom assumiria o cargo.

Muito justo
Agora, bom mesmo foi o PL apresentado pelo deputado Cadmiel Bomfim (PSDB). Ele quer a restituição do Imposto Sobre Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) aos cidadãos que tiveram seus carros ou motocicletas roubadas. O PL abrange automóveis que tenham sido objeto de furto, roubo, apropriação indébita, estelionato ou apreendido pelas autoridades policiais. A matéria já agradou a parte da população.

Legal
O deputado Jenilson Leite (PCdoB) quer proibir a venda de canudo plástico em estabelecimentos do Acre. E para isso apresentou um Projeto de Lei. O objetivo é incentivar a comercialização de canudos de papel, bambu ou de palha no estado.

Interessante
Muito bom esse PL de Jenilson. Inclusive, diversos estados do Brasil já vetaram a venda de canudos de plástico. Existem outras alternativas como canudinhos de papel, de palha e bambu que são biodegradáveis e não contaminam o meio ambiente. Apoio o PL do comunista.

Vai nada
Rumores dão conta de que o deputado José Bestene (PP) estaria tão chateado com o governador Gladson Cameli, por ter exonerado o sobrinho, que já estaria estudando a possibilidade de adotar uma linha independente na Aleac. Não acredito! Primeiro, porque Bestene faz parte da cúpula do PP, onde também está Cameli. Segundo, porque a saída de Alysson tem mais a ver o desejo do próprio ex-secretário do que Gladson.

Assuntos desta notícia