Dia da Mulher é comemorado com corrida na Ufac – Jornal A Gazeta

Dia da Mulher é comemorado com corrida na Ufac

A Universidade Federal do Acre (Ufac) realizou na tarde dessa quarta-feira, 7, a Corrida da Mulher, no campus-sede, em Rio Branco. O evento faz alusão ao Dia Internacional da Mulher, 8 de março, e reuniu técnico-administrativas, professoras, alunas, colaboradoras de terceirizadas da instituição e a comunidade em geral.

A corrida visou a promoção da saúde da mulher e valorização das conquistas femininas, além de arrecadar alimentos para vítimas da cheia do rio Acre. No campus Floresta, em Cruzeiro do Sul, o evento ocorre na próxima segunda-feira, 12.

Segundo a vice-reitora da Ufac, Guida Aquino, a ocasião é uma oportunidade de relembrar a história de luta que representa o dia 8 de março. “Queremos comemorar, com as servidoras da Ufac, nossos ganhos e nossas conquistas enquanto mulheres, no século 21”, afirmou Guida.

“Desde que assumimos a gestão da universidade, temos procurado comemorar de forma diferente; este ano aproveitamos para ajudar famílias atingidas pela enchente do rio Acre”, disse a vice-reitora, referindo-se aos donativos arrecadados no ato de inscrição para a corrida.

Para ter direito ao abadá da Corrida da Mulher, os participantes doaram um quilo de alimento, pacote de fraldas ou produto de limpeza. Todo o material arrecadado durante a ação será distribuído para famílias atingidas pela cheia do rio Acre.

O reitor Minoru Kinpara agradeceu o empenho das trabalhadoras da universidade. “As mulheres da Ufac têm ajudado muito a instituição a tornar-se o que é hoje, uma referência em ensino, pesquisa e extensão”, disse. “Sem a atuação dessas mulheres, a Ufac não teria chegado ao patamar que está hoje.”

A corrida teve inscrições abertas ao público e chamou a atenção de corredores locais. É o caso da servidora pública Ana Lourdes, que pratica corrida há mais de dois anos e participou acompanhada de seus dois filhos. “É motivo de muita alegria participar desse evento, principalmente por fazer parte das comemorações do Dia da Mulher.”

Também servidora pública, Keldney Gomes participou do evento e se sentiu valorizada com a ação. “Com a prática do esporte, conhecemos muita gente e acabamos tendo mais energia”, destacou. “Cada comunidade está fazendo algo pelas mulheres e esse reconhecimento é gratificante; apesar de ainda ser pouco, já faz a diferença.”

A corrida teve premiação para primeiro, segundo e terceiro lugares nas categorias masculino e feminino e distribuiu medalhas para todos os participantes. Ao fim da corrida houve reidratação com suco, frutas e o tradicional banho com água do carro do Corpo de Bombeiros.

Assuntos desta notícia