Gazetinhas – 02.03.2019 – Jornal A Gazeta

Gazetinhas – 02.03.2019

*Protestos e mais protestos.
*Nem o clima festivo de carnaval, nem as fortes chuvas impediram a manifestação dos professores provisórios, na manhã de ontem.
*Munidos de guarda-chuvas e ao som do hino nacional, eles pediam uma conversa com a equipe de governo, para que fossem revistas a contratação dos antigos servidores.
*Uma média de 1800 professores que trabalharam até o ano passado, segundo explicou o Sinteac, e que não poderão voltar às vagas, por causa de um dispositivo na lei que proíbe a recontratação de quem já tinha contrato anterior.
*E o clima esquentou quando a equipe de segurança da Casa Civil reforçou o policiamento no local, intimidada com o grande número de pessoas que fechava a Avenida Brasil.
*Os professores ficaram indignados e gritavam palavras de ordem:
* “Não somos bandidos! Somos professores!”.
*Ôps, qualquer semelhança com a ação desastrosa do governador tucano Beto Richa, no Paraná, em 2015, é mera coincidência.
*Mas, guardadas as devidas proporções, claro, a revolta foi geral.
*Mais tarde, uma comissão da categoria se reuniu com o secretário de Educação e com representantes da PGE e da Casa Civil para tentar chegar a um acordo.
*Huuum.
*Reunião e mais reunião.
*Promessas e mais promessas.
*E a impressão que dá é que, internamente, nem a mesmo a equipe de governo se afina para resolver, de fato, alguma coisa.
*Bom, vamos acompanhar.
*Ainda sobre protestos e insatisfações…
*Moradores das redondezas da Jarbas Passarinho fecharam a rua, cobrando melhorias nas vias que dão acesso aos bairros próximos ao local.
*Eles denunciam que a situação está “insustentável”, com as ruas cheias de buracos e intrafegáveis…
*O que tem aumentado, inclusive, a violência nos arredores, visto que nem mesmo o policiamento consegue chegar lá.
*As imagens dizem tudo.
*E quem mora em Rio Branco sabe bem disso!
*Alô, prefeitura, tem que resolver isso aí.
*Chuva, mais chuva.
*E o nível do Rio Acre volta a subir.
*Na manhã de ontem, chegava novamente 10,90 metros;
*E a previsão é de que atinja a cota de alerta, nos próximos dias, com mais água prevista para este feriadão.
*Comovente, triste demais a notícia sobre a morte do netinho, de apenas sete anos, do ex-presidente Lula.
*A criança morreu nesta sexta-feira, vítima de meningite.
*No final da tarde de ontem, o MPF já se pronunciava favorável à saída de Lula para o enterro; e o governo do Paraná ofereceu avião para o deslocamento.
*Justo, justíssimo.
*É quando todo o ódio deve dar lugar para compaixão entre nós, humanos.
*Como sempre deveria ser.

Assuntos desta notícia