GAZETINHAS – 10-05-2019 – Jornal A Gazeta

GAZETINHAS – 10-05-2019

*É calamidade financeira que fala?
*Lá vem…
*E o polêmico assunto voltou às declarações do governador Gladson Cameli, após um encontro com o presidente Jair Bolsonaro, em Brasília.
*Na ocasião, Gladson participou, com outros governadores, de discussões sobre a reforma da Previdência, que o presidente luta para emplacar no Congresso Nacional.
*E mesmo antes de voltar ao Estado, já andou declarando que, caso a reforma não seja aprovada, o Acre não teria como “aguentar mais”.
*A afirmação do governador progressista foi prontamente rebatida pelo deputado petista Daniel Zen.
*O parlamentar, que bem entende do assunto, declarou que Gladson “faz chantagem barata e terrorismo” quando anuncia a possibilidade de declarar a tal calamidade.
*Eita pau.
*E explicou que não existe correlação entre a reforma da Previdência e o fato de o governo local precisar oficializar o decreto.
*Isso porque o Acre segue o Regime Próprio de Previdência (RPPS), e a reforma é para o Regime Geral da Previdência (RGPS).
* “Um regime não interfere no outro, até porque para mexer no regime daqui tem que ter lei estadual, e a gente já mexeu no regime próprio no governo do Tião, quando elevou a alíquota de 11% para 14%”, esclareceu Zen.
*É, de fato, um assunto complexo para nós, simples mortais, entendermos claramente de primeira.
*E justamente por isso que é preciso ampliar o debate, principalmente se o governo vier ainda com o tal decreto da calamidade.
*Um gaiato que passa na redação dá o pitaco:
* “No caso da atual gestão, não seria o caso de decretar calamidade administrativa?!”.
*Ah, para com isso!
*Mas, picuinhas políticas à parte, uma coisa é fato:
*O povo não aguenta mais tanta enrolação.
*Tanta violência também!
*Que notícia grave essa do “carro da morte”…
*Um veículo com pessoas ainda não identificadas, que passaram atirando, na Baixa da Colina, e atingiram um vigilante com dois tiros no peito.
*Segundo a polícia, a vítima não tinha envolvimento com crime organizado.
*Alô, vice-governador Major Rocha!
*Alô, coronel Paulo Cézar!
*Estão tomando conta de tudo…
*Tá sofrido, tá de lascar.
*Ainda repercutindo a operação da PF, que prendeu um ex-diretor do Ibama, fazendeiros e apreendeu quase um milhão de reais em dinheiro.
*Segundo a PF-AC, foi a maior ação da instituição contra crimes ambientais no Estado;
*E desarticulou um esquema criminoso que burlava o sistema para fazer desmatamento em áreas da União para criação de gado.
*Um alerta importante, neste momento em que tanto se fala da expansão do agronegócio.
*O futuro não pode repetir o passado…
*Enfim.

Assuntos desta notícia