GAZETINHAS – 11-04-2019 – Jornal A Gazeta

GAZETINHAS – 11-04-2019

*Cem dias de governo.
*E quem diria…
*Após três meses de muitas trapalhadas e/ou mal entendidos, governador Gladson Cameli deu a volta por cima.
*Pelo menos, temporariamente.
*E que seja por um bom tempo, vai…
*Afinal, picuinhas políticas à parte, o que todos esperam é que este governo siga em frente…
*A combalida economia do Estado não pode mais esperar.
*E numa tacada de marketing muito da sua bem feita, porque nisso, de fato, Gladson sempre foi bom (!)…
*O governador comemorou os 100 dias de gestão com o anúncio da contratação imediata de 500 concursados da Polícia Militar e da Polícia Civil.
* “Estou convocando agora!!”, afirmou, com aquele jeito bem Gladson de ser.
* “Podem seguir os trâmites legais”, determinou ele, rodeado pela equipe, na coletiva quase “festiva” à imprensa.
*A repercussão com a opinião pública foi positiva, não dá pra negar.
*Pois vejam, com o perdão dos ambientalistas:
*Matou vários coelhos como uma cajadada só.
*Cumpriu uma das mais visadas promessas de campanha;
*Atendeu às súplicas dos concursados, que lutavam por essa medida, desde o governo passado;
*E tão importante quanto:
*Deu esperanças à população em relação à melhoria da Segurança Pública.
*Setor, aliás, que pouco ou nada melhorou, e que permanece sendo alvo de muita insatisfação e críticas.
*Sobre o Pró-Saúde, Gladson também garantiu a permanência dos servidores por, pelo menos, mais um ano.
*Até que seja encontrada uma solução jurídica para o problema, explicou ele.
*Pode não ser a solução definitiva…
*Mas, a esta altura, o povão já não está nem preocupado em saber.
*Como também não está preocupado em checar como o Governo do Estado irá contratar mais pessoal, sem extrapolar os limites da Lei de Responsabilidade Fiscal.
*A verdade é que, após dias nebulosos, o “pacote de bondades” caiu bem, muito bem.
*Tirou o governo da aparente roda da ineficiência;
*E, quer queira ou quer não, reascendeu um pontinha de esperança de que dias melhores podem estar por vir.
*Que assim seja.
*E a CPI das contas de energia, hein?!
*Segundo recomendou o líder do governo, ontem, na Aleac, os deputados da base deviam retirar as assinaturas para investigar a Energisa, pois se tratava de uma ação política para atingir o governo.
*E assim foi feito.
*Foi sepultada viva.
*Vamos ver como os parlamentares irão explicar isso para o bolso da população.
*Em tempo, titular da coluninha manda um alerta:
* “O TCE continua se metendo onde não deve…”.
* “Até no setor de comunicação!”.
*É cada uma ó…

Assuntos desta notícia