Gazetinhas – 14.03.2018 – Jornal A Gazeta

Gazetinhas – 14.03.2018

*Depois da tempestade vem sempre a calmaria…
*E vice-versa, em se tratando da pitoresca política acreana.
*Depois de um início de semana alegre, pomposo…
*Eis que o governador Tião Viana foi surpreendido (ou não), ontem, com a derrubada do veto ao projeto de lei 107/207, que visa regulamentar os servidores concursados ameaçados de demissão do Pró-Saúde.
*Pressionados pelos servidores, que lotaram as galerias da Aleac, os deputados votaram a favor do relatório do deputado Jenilson Leite, que deu parecer favorável à derrubada do veto governamental.
*A primeira grande derrota do governo no Poder Legislativo, será?!
*Ou mais uma articulação bem orquestrada do Palácio Rio Branco para desviar a atenção dos servidores e, enfim, resolver, de uma vez por todas, o problema diretamente com o Poder Judiciário?
*As teorias de conspiração eram muitas, nos bastidores da imprensa e da Casa do Povo, após o resultado da votação.
*Primeiro, porque já se conhece o toma-lá-dá-cá da política;
*Segundo, porque é difícil de acreditar mesmo em uma derrota do governador Tião Viana, pelo menos nessa proporção, após anos de domínio da sua base de sustentação.
*E o Dim não se aguenta aqui atrás:
* “Até tu, Louro?! Até tu, Zen?!”
* “Até” todos os 22 parlamentares que estavam presentes na sessão, homi.
*Tudo muito estranho.
*Vamos acompanhar isso aí.
*Ainda na política local…
*Confirmado, confirmadíssimo o anúncio oficial do pré-candidato a vice-governador, que irá compor a chapa dos partidos da oposição, ao lado do senador Gladson Cameli.
*Será nesta quinta-feira, às 16h, no Hotel Pinheiro.
* Márcio Bittar e Sérgio Petecão já confirmaram presença no evento;
*Além de deputados federais, estaduais, prefeitos, vereadores e outras lideranças políticas.
*Pense num vice que tá ficando mais importante do que o candidato principal…!
*Já repararam?!
*Viixe, que língua.
*Em nota enviada pela assessoria, Gladson diz que cumpriu todos os prazos solicitados pelos partidos;
*E voltou a afirmar que um amplo debate buscou a indicação de um nome que possa reunir toda a oposição em um único palanque.
*Ops, mas ainda vai faltar o Bocalom e o coronel Ulysses nesse siribolo aí, senador.
*Pelo menos, por enquanto.
*A conferir no que vai dar.
*Sobre a greve dos Correios que começou “por tempo indeterminado” e terminou menos de 24 horas depois…
*Leitor telefona para uma análise das mais pertinentes:
* “Vocês não sabem de nada… Os Correios estão em greve há mais de dois anos e ninguém percebeu!”.
*Dada a eficiência atual da instituição, faz todo o sentido.
*Tsc, tsc, tsc.

Assuntos desta notícia