Gazetinhas - 20.03.2018 - Jornal A Gazeta

Gazetinhas – 20.03.2018

*Fogo amigo, nas trincheiras da oposição acreana!
*E o alvo da vez, quem diria (!), é o MDB do deputado Flaviano Melo.
*Horas após o polêmico anúncio do nome do deputado Major Rocha como parceiro de chapa de Gladson Cameli…
*PP e PSDB começaram a cruzada interna para (re)conquistar as alianças perdidas ao longo do demorado, desgastante e um tanto desastrado processo de escolha do vice da chapa majoritária.
*E, como em política, a estratégia mais usual é sempre a do ataque, não demorou muito para mirarem nos alvos que precisam ser enfraquecidos.
*Primeiro, o pré-candidato ao Senado Márcio Bittar, apontado como o principal responsável por acirrar as mágoas e vaidades dentro do MDB;
*Tudo, dizem as más línguas, por causa da fortíssima desavença pessoal com o deputado tucano Major Rocha.
*Mal chegou no partido e já está fazendo esse estrago, homi?!
*Tsc, tsc, tsc.
*O segundo alvo é o deputado Flaviano Melo, uma liderança outrora tão querida e respeitada por Gladson…
*E a quem tentam atribuir agora a fama de audacioso, imaturo (!) e inabilidoso politicamente por não ter acatado a escolha do candidato progressista.
*Por ora, a estratégia tem até dado certo, vide o resgate do apoio do deputado Alan Rick, que será confirmado, em breve, presidente do DEM local;
*E, no Juruá, do prefeito Ilderlei Cordeiro, que já deu, inclusive, a deixa de que abandonará o MDB, caso o partido confirme o racha com Cameli.
*Ressentimentos de cá, ataques de lá, erros e egos inflados de todos os lados…
*O que a oposição, talvez, não tenha tempo, nem astúcia para reconhecer é que, mais uma vez, está pulando de cabeça no mesmo picadeiro de eleições anteriores;
*E, assim, seguem servindo de bobos da corte (todos!) para diversão dos sempre experientes e inteligentes líderes da FPA.
*Com dias contados para assumir o comando da prefeitura da Capital, vice-prefeita Socorro Neri está em plena atividade de articulação interna e externa para manter o apoio à administração municipal.
*Conversas com vereadores, secretários, deputados fazem parte da agenda movimentadíssima da vice-prefeita, nas últimas semanas;
*Além das ações de planejamento com as equipes da prefeitura.
*Técnica e capacitada é a fama atribuída a ela;
*Mas, sem dúvidas, que enfrentará o maior desafio da carreira, ao substituir um prefeito bem preparado e popular, como é Marcus Alexandre.
*Tudo isso, aliado ao clima de instabilidade interna que, inevitavelmente, uma mudança de gestão traz para qualquer administração.
*A data de saída do prefeito é o próximo dia 7 de abril.
*Vamos acompanhar.

Assuntos desta notícia