Gazetinhas – 28/11/2019 – Jornal A Gazeta

Gazetinhas – 28/11/2019

* “Pai, afasta de mim este cálice, cale-se!”

* “Como beber dessa bebida amarga? Tragar a dor, engolir a labuta. Mesmo calada a boca, resta o peito. Silêncio na cidade não se escuta.”

* Os versos acima são de Chico Buarque, bem conhecida a canção Cálice. Retrata bem o que se registrou esta semana na Aleac. Ou melhor, ao redor dela.

*A reforma da Previdência, considerada amarga pelos servidores, foi aprovada debaixo do cassetete. Sem estrebuchar, espernear, os servidores foram mantidos longe.

*O povo ficou sem voz, sem poder gritar, colocar para fora sua dor. A Assembleia Legislativa do Acre escreveu, sem dúvidas, uma página triste da sua história.

*E aqui não se discute o que tinha na reforma, se boa ou ruim. O que se discute e se repele é a condução da votação.

*Se me é permitido parafrasear “O dia que a música morreu”, episódio de 1959, na última terça-feira na Aleac, foi o dia que a democracia morreu.

*Nem mesmo o Congresso Nacional em que pautas duras, amargas, antipopulares são colocadas em votação, se viu tamanha afronta como se presenciou neste 26 de novembro.

*Certamente, a história vai cobrar a fatura de muitos…

* “De muito gorda a porca já não anda (Cálice). De muito usada a faca já não corta. Como é difícil, pai, abrir a porta (Pai, cálice). Essa palavra presa na garganta.”

*Teve deputado que chegou para a votação igual o Flamengo na final da Libertadores, nos 43 minutos do segundo tempo, só para decidir mesmo (risos).

*A ideia era não ser visto, dizem as más línguas… Hum, tá certo!

*O MDB se antecipou e divulgou uma nota um dia antes da votação. Ordenando que seus deputados votassem a favor da reforma.

*Cômico se não fosse trágico.

*Representantes do Judiciário e do MP-AC acusados de crimes ambientais. O que será do seu Zé lá do Riozinho do Rola e da Dona Maria do Vai Quem Quer que não tem conhecimento?

*O senador Marcio Bittar (MDB), forte aliado do presidente Bolsonaro e de seus ideais, trouxe ao Acre para uma palestra hoje, 28, no plenário da Aleac, o professor Luiz Carlos Molion.

*Ele vai tratar sobre mudança climática. Sempre é bom ouvir. Fazer um contraponto.

*Mas, ele vá logo sabendo que por aqui quem manda é nosso el brujo Davi Frile, rum.

*Friale não erra uma, seu dotô!

*Arregaçando!

*A prefeita Socorro Neri está fazendo um trabalho digno de elogios na estrada da Sobral ao modernizar a região. O trabalho da Emurb pode ser lento, mas é bem feito.

* Olha o verão, olha o verão! Sim, mas que fim deu mesmo a recuperação dos ramais anunciada pelo governo?

*Vou ali em Manaus e já volto!

*Bom dia a todos!

*INTERINO: JOSÉ PINHEIRO

Assuntos desta notícia