Homem é executado a tiros dentro de casa enquanto assistia televisão com a família – Jornal A Gazeta

Homem é executado a tiros dentro de casa enquanto assistia televisão com a família

Um homem, identificado como Raimundo Nonato Santos da Cruz, de 32 anos, foi morto com pelo menos cinco tiros na noite deste sábado, 17, no bairro Miritizal, em Cruzeiro do Sul. Segundo informações da polícia, ele estava sentado no sofá assistindo televisão com a família quando foi surpreendido por criminosos.

Ao menos três homens teriam invadido a casa da vítima e efetuado os disparos. O delegado que recebeu o caso, Luiz Tonini, informou que ninguém foi preso ainda, mas que dois suspeitos já foram identificados.

A polícia recebeu a informação de que a vítima seria integrante de facção criminosa e que esse seria o motivo do crime.

“Recebemos informação de que criminosos iriam matar uma outra pessoa e, quando a gente teve conhecimento disso, conduzimos essa pessoa até em casa com segurança. Provavelmente pelo fato de não terem conseguido matar essa pessoa que estava certa para morrer ontem, resolveram matar esse outro que supostamente fazia parte da mesma facção”, disse o delegado.

O crime ocorreu por volta das 20h. “Tinha parentes dele dentro de casa na hora do crime. A informação é que ele estava assistindo televisão, três ou quatro invadiram a casa e dispararam várias vezes contra ele que morreu no local”, contou Tonini.

O irmão da vítima, Manoel dos Santos, 42 anos, disse que não tem conhecimento de que Cruz tinha envolvimento com grupo criminoso e se tinha inimigos. Segundo ele, os criminosos chegaram a pé na casa do irmão e entraram atirando.

“Só sei dizer que esse pessoal chegou, meteu o pé na porta da casa dele e fez os disparos. Não sei dizer se ele tinha inimigos, ou rixa. Eles desceram pelo Rio Juruá, estavam de bote, pararam no porto e subiram a pé para a casa do meu irmão que fica a uns 30 metros do rio”, informou.

Cruz não resistiu aos ferimentos e morreu no local antes da chegada do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). O corpo dele foi levado pelo Instituto Médico Legal (IML) para exames e em seguida liberado para a família.

O velório de Cruz ocorre em uma igreja próximo à casa dele e o corpo deve ser enterrado no final da tarde no cemitério Jardim da Paz.

Assuntos desta notícia