Major Rocha diz que tem 99% de chances de Kinpara ser candidato pelo PSDB a prefeito – Jornal A Gazeta

Major Rocha diz que tem 99% de chances de Kinpara ser candidato pelo PSDB a prefeito

A ida do ex-reitor da Universidade Federal do Acre, Minoru Kinpara, para o PSDB está mais próxima do que nunca. Ontem, 19, ele apareceu ao lado do presidente da executiva estadual, Manoel Pedro de Oliveira Gomes, o Correinha, do vice-governador, Major Rocha, e da deputada federal Mara Rocha.

Major Rocha falou sobre o assunto. Disse que a filiação de Minoru Kinpara é questão de ajustes. A cúpula do PSDB no Acre prepara a realização de um encontro de pré-candidatos a prefeitos com a presença de uma liderança nacional. Ele confirma que Kinpara já participará deste ato.

“Vamos fazer um encontro de pré-candidatos pelo PSDB, e ele vai participar dele. Nos próximos dias, a gente vai estar anunciando a data da filiação dele, se Deus quiser. Mas eu quero combinar com uma grande liderança do partido. Não sei se a gente consegue trazer o Dória, o Bruno Covas, ou qualquer um dos nossos líderes lá em Brasília para participar, para ser um grande ato. Mas, assim, a coisa está 99% para ele ser candidato”, disse o Major Rocha À GAZETA.

Ao mencionar os possíveis nomes que disputarão à Prefeitura de Rio Branco, Rocha disse que Minoru Kinpara tem larga experiência em gestão pública. Ele coordenou um dos maiores orçamentos, o da Universidade Federal do Acre. Em sua gestão, a Ufac teve grandes transformações estéticas, físicas e humanas, com a valorização dos servidores públicos e do corpo acadêmico.

“Eu vejo que dos candidatos que nós temos aí é o nome que vai pegar Rio Branco sem ter problema. Na vai aprender gestão na cadeira. Já sabe o que fazer”, pontuou.

Sobre a irmã, a deputada federal Mara Rocha (PSDB/AC), o vice-governador disse que ela atuará como apoiadora forte da candidatura de Kinpara à Prefeitura de Rio Branco. “A Mara, na campanha, vai ser cabo eleitoral, assim como eu”, destacou.

Mara Rocha também falou com Reportagem de A GAZETA com relação à ida de Kinpara para o ninho tucano. Ela pontou que “Minoru é um nome muito forte, não tem rejeição e já mostrou que sabe administrar”.

Ao ser questionada sobre a possibilidade dela deixar o mandato para ser vice de Kinpara, ela foi taxativa e confirmou as declarações do irmão: “Nenhum possibilidade”, frisou a deputada tucana.

 

 

Assuntos desta notícia