PT realiza grande encontro em Rio Branco e filia mais de 300 – Jornal A Gazeta

PT realiza grande encontro em Rio Branco e filia mais de 300

Partido dos Trabalhadores conquistou mais de 300 filiados
Partido dos Trabalhadores conquistou mais de 300 filiados

Enganam-se os que acreditam no enfraquecimento do Partido dos Trabalhadores (PT). Pelo menos no Acre, a sigla segue mostrando força ao filiar na manhã deste sábado, 25, mais de 300 novos filiados no Encontro Municipal de Rio Branco realizado como parte do calendário nacional preparatório ao 5º Congresso do PT, que acontece no próximo mês de junho.

Com esse encontro na Capital, o Diretório Regional do PT do Acre encerra o ciclo de encontros municipais realizado nos 27 municípios do Acre, incluindo os de mais difícil acesso. No mês de maio, acontece o Encontro Estadual que reunirá filiados de todo o Acre, encerrando assim a etapa local.

Participaram em Rio Branco as principais lideranças do PT acreano: o fundador e presidente de honra no Acre, Nilson Mourão, o governador Tião Viana, o senador Jorge Viana, o prefeito Marcus Alexandre, a bancada federal (deputados Angelim, Léo de Brito e Sibá Machado), a bancada estadual (deputados Ney Amorim – presidente da Assembleia Legislativa -, Daniel Zen e Lourival Marques), além de vereadores, lideranças comunitárias, representantes do movimento social.

Outra tônica do evento ficou por conta da exposição dos deputados federais a respeito da conjuntura nacional. O deputado Angelim, coordenador da bancada no Congresso, destacou que apesar dos ataques diários da oposição e da grande mídia, o Governo Dilma segue garantido as conquistas dos sucessivos Governos do PT. “O futuro do PT se constrói com as nossas atitudes de hoje. Nós temos uma militância forte e o Acre tem dado o exemplo disso. Vamos manter a unidade, ir às ruas fazer o bom debate, dialogando com a sociedade e combatendo os nossos verdadeiros adversários”, asseverou.

O deputado Léo de Brito falou da resistência do PT e conclamou a militância para a defesa inteligente do projeto do partido. “Não adianta. Eles não irão nos enfraquecer”, Sibá Machado, líder da bancada na Câmara disse que “prá (sic) derrotar o PT na política tem que dizer que o PT é ladrão e nós não somos ladrões, ao contrário o PT fez bem para o Brasil”.

O governador Tião Viana encerrou lembrando que o que está em jogo não é simplesmente uma crise política mas a tentativa de golpe contra os governos do PT que conseguiram obter indicadores sociais nunca vistos no país e no Acre. “Os investimentos que temos feito são caminhos para fazer da crise a oportunidade para o desenvolvimento social e crescimento econômico e é isso que nos une e nos fortalece. Vamos continuar avançando”, concluiu. (Assessoria PT)

Assuntos desta notícia