Sem segurança, lojas da Capital são saqueadas na madrugada – Jornal A Gazeta

Sem segurança, lojas da Capital são saqueadas na madrugada

Além dos prejuízos com a pandemia do coronavírus, os comerciantes da Capital estão enfrentando as perdas e o pânico com a insegurança, na Capital acreana. Com pouco movimento nas ruas, a bandidagem está aproveitando para atacar.

Somente na madrugada desta terça-feira, duas lojas foram arrombadas e saqueadas, em regiões consideradas nobres da cidade. Uma de vestuário, na Avenida Ceará, e outra de calçados, no Bosque. Levaram praticamente tudo.

Empresários que podem investir em segurança privada estão se precavendo por conta própria. Mas, outros muitos comerciantes menores, que já enfrentam a crise pela queda do movimento, não tem condição de fazer mais este investimento e estão temerosos com a piora da situação, nos próximos dias. A proprietária de uma das lojas assaltadas desabafa:

“Lamentável a nossa situação! Sabemos que o isolamento social é necessário para conter o coronavírus. Mas, o Governo do Estado precisa montar uma estratégia que garanta também a segurança dos nossos estabelecimentos, aumentar o policiamento, enquanto estivermos fechados. O prejuízos para a economia local serão desastrosos. Eu mesma não sei se conseguiremos nos reerguer após esse assalto”, lamenta ela.

Assuntos desta notícia