Weverton é convocado para a Seleção Brasileira: “Muito feliz por esse momento,” – Jornal A Gazeta

Weverton é convocado para a Seleção Brasileira: “Muito feliz por esse momento,”

O goleiro acreano Weverton voltou a ser convocado entre os 22 jogadores que vão defender a Seleção Brasileira em amistosos contra a Colômbia e o Peru. A convocação foi anunciada pelo técnico Tite na manhã de ontem, 16. As partidas ocorrerão no começo de setembro, nos dias 6 e 10. Além do arqueiro acreano, foram convocados também o goleiro Ederson, do Manchester City-ING, e Ivan, da Ponte Preta-SP.

Mesmo com o seu clube, o Palmeiras-SP, em má fase desde a parada da Copa América, Weverton vem se destacando como um dos jogadores mais regulares do alviverde paulista, com boas marcas e figurando entre os melhores goleiros do Brasileirão 2019. As atuações foram suficientes para chamar a atenção do técnico Tite.

O atleta falou sobre a convocação. “Felicidade que não cabe em mim! Hoje é um dia especial, não só por um dia de trabalho, mais um dia vestindo a camisa, também pela convocação. Muito feliz por esse momento, agradeço muito ao Palmeiras. Se não estou bem aqui, ou se não tenho oportunidade, com certeza não estaria na Seleção. Agradecer a Deus, todas as pessoas envolvidas por esse momento. Representar bem o clube e fazer o melhor que eu puder sempre”.

Weverton também deixou boas marcas em 2016, quando atuou pela Seleção Olímpica. Nas Olimpíadas do Rio de Janeiro, o acreano foi peça fundamental para o Brasil conquistar a primeira medalha de ouro no futebol masculino. Uma marca histórica. Na grande final, inclusive, contra a Seleção Olímpica da Alemanha, Weverton defendeu uma cobrança de pênalti, e foi ovacionado por um Maracanã lotado.

Antes de ir para Seleção, Weverton ainda deverá ser titular diante do jogo do Palmeiras contra o Grêmio, neste sábado, 17, pelo Brasileirão. A última convocação dele para a Seleção foi em fevereiro deste ano, quando foi chamado para os amistosos contra Panamá e República Tcheca

Trajetória – Weverton é natural de Rio Branco. Ele começou a carreira aos 17 anos, jogando pelo time acreano Atlético Clube Juventus. Em 2006, jogou com as cores do “Clube do Povo” a Copa São Paulo de Futebol Juniors e se destacou, sendo contratado para as categorias de base do Corinthians-SP.

O acreano ainda atuou pelos times do Remo, Oeste, América de Natal, Botafogo-SP e Portuguesa até ser contratado pelo Atlético Paranaense, em 2012. No clube de Curitiba, ele virou capitão do Furacão e ganhou projeção nacional, incluindo as convocações para a Seleção Olímpica. Em 2018, após fim de contrato com o Atlético-PR, foi contratado pelo Palmeiras. Tornou-se titular no mesmo ano e já foi até campeão brasileiro 2018, além de ser o detentor da marca de goleiro com a segunda menor média de gols sofridos na história do Palmeiras.

 

Assuntos desta notícia