Subtenente do 4º BIS é detido por abuso sexual de estudantes

tarado
O subtenente do Exército Brasileiro, Luiz Carlos da Silveira Vilhena, de 45 anos, o subtenente Vilhena, que presta serviço ao 4° Batalhão de Infantaria e Selva (BIS) em Rio Branco, foi detido na manhã de ontem, 4, após denúncia da direção da Escola Lourenço Filho de que  estaria assediando estudantes menores de idade daquela escola e inclusive teria chegado a manter relações sexuais com duas adolescentes.

Segundo denúncia da coordenadora de Ensino do Instituto, Cláudia Valente, o subtenente Vilhena teria chegado fardado à escola se passando por pai de uma aluna, informando que a garota havia ligado para ele avisando que estava passando mal.

A direção, sem saber que o militar estava mentindo, permitiu seu acesso à escola e ele saiu com uma estudante de 15 anos. Duas semanas depois ele foi visto novamente na escola saindo na companhia de outra adolescente.

A coordenação e direção da escola suspeitaram da atitude e chamou as garotas para conversar, quando descobriram que na verdade o militar mantinha relações sexuais com as meninas.

 Quando a pedagoga conversava com as adolescentes, que contavam detalhes da relação com o subtenente, o celular da menina tocou e era o militar do outro lado da linha avisando que estava aguardando-a na frente do colégio.

A direção resolveu acionar a Polícia Militar, que deteve o suspeito e o conduziu para a Delegacia da Mulher.

Assuntos desta notícia


Join the Conversation