Pular para o conteúdo

Carnaval Digital leva mais de 40 mil foliões por noite ao Arena

O Carnaval mais tranqüilo e divertido dos últimos tempos. Esta é a avaliação da maio-ria dos envolvidos na organização do Viva o Carnaval na Floresta Digital, que reuniu uma média de 40 mil pessoas por noite no estacionamento do estádio Arena da Floresta, em Rio Branco, segundo estimativas da Polícia Militar e dos organizadores do evento. “Foi um sucesso”, resumiu o governador Binho Marques, lançando o desafio da qualidade: “Duvido que tenha um carnaval como o nosso”, chegou a dizer Binho Marques durante o segundo Arrastão da Alegria, que resgatou a tradição dos blocos de rua.

Carnaval-7
O carnaval popular de Rio Branco é gratuito, seguro e de alto nível, com presença maciça das famílias de todas as classes sociais. Em Rio Branco, o espaço do estacionamento do Arena da Floresta foi ampliado, trazendo muito mais conforto para os brincantes. “Essa conectividade com o Floresta Digital mostra que no Acre o mundo da informática é para todos, assim como o carnaval é para todos”, afirmou o prefeito Raimundo Angelim, responsável, junto com o governador, pela realização da festa.

Carnaval-1Para o senador Tião Viana, o tema adotado para a Folia na Arena 2010 revela ousadia do governo Binho Marques. “O governador deu um passo gigantesco ao aliar a tradição da maior festa popular com a internet”, afirmou o senador sobre o tema adotado para a Folia de Momo deste ano em Rio Branco. Através do Floresta Digital, a polícia conseguiu deter nove reeducandos liberados pela Justiça mas em situação irregular. Tanto na Polícia Militar quanto na Polícia Civil as ocorrências foram em número menor que no ano passado. “O que pude verificar e pelo que ouvi do ano passado, o nível de violência foi quase nulo e a festa foi muito bem estruturada”, disse o delegado Karlesso Nespoli, plantonista da última noite de folia. Segundo ele, durante o carnaval não foram registradas ocorrências graves. O grande número de policiais possibilitou uma festa tranqüila para toda a família.  “Temos escutado o que diz a população e a avaliação do povo é a melhor possível”, disse Dudé Lima no encerramento da festa.

Poucas ocorrências – O policiamento ostensivo foi praticamente dobrado este ano em relação a 2009 por causa, principalmente, dos grandes investimentos que o governo vem fazendo no sistema de Segurança Pública, que se utilizou inclusive do helicóptero Comandante João Donato para garantir a tranqüilidade no carnaval.

Nenhum acidente ocorreu na rodovia AC-40 este ano, ao contrário de 2009, quando foram registradas duas vítimas fatais. A tranqüilidade se deveu às bases móveis instaladas pela PM naquela rodovia.

“Duvido que tenha Carnaval como o nosso”, diz Binho na última noite de folia

Carnaval-2Um número incontável de blocos somando mais de 9.000 pessoas, na estimativa da Polícia Militar, participaram do Arrastão da Alegria na terça-feira, 16, última noite do Viva o Carnaval na Floresta Digital. O governador Binho Marques participou da caminhada que saiu às 17 horas do Calçadão da Gameleira e percorreu as principais ruas do Bairro do Quinze, passou pela Via Chico Mendes e chegou ao estacionamento do Arena da Floresta. “Nos outros estados, como Bahia e Rio de Janeiro, o carnaval é privatizado, é pago. Duvido que tenha um carnaval como o nosso”, disse o governador ao ressaltar os diferenciais da Folia de Momo realizada no Acre.
O Arrastão da Alegria deve se consagrar como evento regular do calendário carnavalesco porque resgata a tradição dos blocos. “Os sujos saiam daqui, percorriam as ruas da cidade”, disse Dudé Lima, um dos organizadores da folia no Arena. Os Blocos de Sujos são manifestações populares típicas do carnaval  de rua em todo o  Brasil, onde o improviso e a desorganização são a tônica: um grupo de foliões com fantasias improvisadas, ou mesmo de roupa comum, que se reúnem e saem pelas ruas da cidade. Em Rio Branco, os Sujos foram desvalorizados durante algum tempo, mas nos últimos anos eles retomaram a festa com força total. Para melhorar a organização e a segurança da folia, o Governo do Estado retomou a festa a partir do Calçadão da Gameleira com três trios elétricos que puxam a multidão até o estacio-namento do Arena.

Tenda Bolha chama atenção do público no Carnaval

Carnaval-3Utilizar a internet livremente e, de quebra, conhecer o programa que vai revolucionar o acesso à rede mundial de computadores no Acre, o Floresta Digital. A tenda bolha, localizada próxima a praça de alimentação, ficou repleta de foliões que deram um tempo na brincadeira e foram se conectar ao mundo digital, de graça.

A Tenda Bolha é facilmente reconhecida: além do formato, a tenda é colorida por holofotes que ficam girando e chamando a atenção do público, principalmente das crianças. O objetivo, segundo o diretor de Modernização da Secretaria de Gestão Administrativa, é promover o livre acesso à internet, divulgar o programa Florestal Digital e fazer o cadastro dos interessados. Na tenda também é possível baixar sua foto ou vídeo para que sejam postados na página da Agência de Notícias do Acre e no telão instalado no palco do Carnaval Digital.

Para fazer o cadastro do programa Floresta Digital, que em breve vai atender todo o Estado, basta fornecer o nome completo e um documento de identificação, que pode ser o RG, CPF ou passaporte. A cidade de Rio Branco já tem 90% de cobertura e 113 pontos de acesso ao programa instalados. A meta é chegar a 300. “Quem estiver próximo a uma das torres de acesso poderá captar o sinal de forma mais fácil, quem não estiver precisará de uma antena, que pode ser comprada no mercado local ou através da internet”, disse Rodrigo.

 

Arrastão da alegria leva milhares às ruas
Carnaval-5O Domingo de carnaval foi o dia de blocos sujos. O dia em que os homens se vestiram de mulher e ganharam as ruas fazendo folia. E a tradição vem de muitos carnavais atrás. Também era tradicional o desfile de blocos, quando os foliões se encontravam em grupos e saiam fazendo batucadas e soltando confetes. As tradições passaram um tempo adormecidas, mas aos poucos foram resgatas e no domingo o povo ocupou a Gameleira em concentração para percorrer as ruas do Segundo Distrito e chegar ao Carnaval da Florestal Digital durante o Arrastão da Alegria, promovida pela organização da festa.

A festa foi colorida e animada, puxada por dois trios elétricos. Durante a concentração os foliões foram embalados pela Bateria Seis Demais. O empresário Sérgio Dantas era um dos mais animados. Depois de algum tempo em frente ao espelho para a transformação que só dura o tempo da folia, ele e os amigos curtiram o Arrastão do Carnaval Digital. “É uma festa animada, que faço questão de participar. Este ano trouxemos até um debutante na brincadeira”, disse.

O governador Binho Marques participou da festa e não desistiu da folia mesmo com a chuva que caiu. “O que estou vendo aqui é algo maravilhoso. Essa animação saudável é muito gostosa de ver. Estou muito feliz de ver as pessoas brincando, os sujos, os blocos. Essas tradições foram resgatadas ao longo desses doze anos de governo e tenho certeza que ano que vem será ainda mais forte. Agora as pessoas se organizam sozinhas, elas vêm pra rua brincar e isso é muito bom”, disse.

A água não desanimou os foliões, que seguiram o trio até o Arena da Floresta. Ao longo do percurso, trinta banheiros químicos foram disponibilizados para o público. O arrastão seguiu pela Rua Nossa Senhora da Conceição, Boulevard Augusto Monteiro, e Via Verde.

 

O Profeta da Cadeia Velha

Carnaval-4Neste carnaval, o acreano Claudionor Barros Silva (60), conhecido como Nôca da Cadeia Velha, encerrou sua participação na festa carnavalesca.
Há 40 anos, Nôca incorpora o profeta bíblico Moisés, responsável pelos 10 mandamentos de Deus, e conduz o Bloco do Profeta e as Peruas da Cadeia Velha pelas ruas do bairro.

Entretanto, os ensinamentos contidos da placa do profeta carnavalesco nada têm a ver com os ensinamentos divinos.

Com a ajuda dos amigos e pesquisa na internet, Nôca produz suas ‘Tábuas da Lei’ com frases divertidas sobre casamento, sexo e preconceito.

Ele conta que a idéia de se fantasiar surgiu na juventude, quando usou o maiô de sua prima para desfilar no carnaval e foi mal interpretado por poli-ciais, pois na época as pessoas não costumavam se fantasiar com roupas femininas, como é comum no Bloco dos Sujos.

A partir daí, ele decidiu criar o personagem como forma de protesto e utiliza o profeta pra pregar mandamentos bem humorados.
Este ano, o profeta completou quatro décadas de folia e decidiu encerrar sua jornada. (Nattércia Damasceno)

Mais de 300 homens garantem a segurança
Carnaval-6Foram 300 homens, 17 pontos de observação, seis quadriciclos, cavalaria, 30 viaturas, notebooks e outros equipamentos, tudo para garantir a segurança dos foliões que brincaram o Carnaval na Floresta Digital. Segundo o comandante da Polícia Militar, coronel Romário Célio, no sábado foram 25 prisões, sendo quatro reeducandos. Na primeira noite de folia, foi preso um menor que estava em regime de internação.

“Um problema ou outro é sempre normal, mas nem se compara às noites em que o carnaval não era aqui no Arena da Floresta. Antes nós prendíamos até 700 pessoas por noite. Aqui, em toda a quina carnavalesca não costumamos deter 200 foliões. Tudo isso é fruto de uma série de medidas e do policiamento reforçado”, disse o comandante da PM. Este ano o policiamento ganhou o reforço do Helicóptero João Donato.

Cerca de 220 pessoas são detidas durante o Carnaval no Arena

LENILDA CAVALCANTE

Durante as cinco noites de carnaval no Arena da Floresta, 220 pessoas foram detidas pela Polícia Militar. Destas, 117 foram presas por via de fato (briga em via pública), 22 por embriaguez, 65 por perturbação da ordem pública, cinco por provocarem

 lesões corporais, seis por estarem portando entorpecentes, duas por crime de furto e uma pessoa foi detida por prática de ato obsceno.
Apesar do alto número, o comandante geral da PM, coronel Romário Célio considerou o Carnaval 2010 como um dos mais tranqüilos dos últimos tempos, se comparado com o de anos anteriores.

Em vários bairros da Capital, foram registradas 110 ocorrências, 56 pessoas foram flagradas por embriaguez ao volante e dez foram presas por vias de fato. Foram registrados ainda onze agressões físicas, um homicídio, três tentativas de homicídios, nove furtos, quatro roubos (assalto), uma pessoa foi presa portando entorpecente, quatro por porte ilegal de arma branca, um acidente de trânsito com vítima e cinco pessoas detidas por ameaça. Um estupro e quatro disparos de arma em via pública também foram registrados.

No Vale do Juruá, e Vale do Iaco a Polícia Militar manteve o controle das ocorrências. No município de Tarauacá foram registradas 79 detenções e em Cruzeiro do Sul 74. O município com o menor índice de ocorrência foi Marechal Thaumaturgo que registrou apenas quatro prisões.