Tragédia em Xapuri: Criança de seis anos mata outra de cinco com tiro de espingarda

A tragédia aconteceu no Seringal Dois Irmãos, no município de Xapuri, distante cerca de 180 km de Rio Branco.

Um menino de seis anos de idade matou a irmã de cinco anos a tiro de espingarda. O tiro atingiu o peito da criança que teve morte instantânea.

Segundo o que agentes da delegacia central daquele município apurou, os pais das crianças estavam cortando lenha e os filhos brincando dentro da casa.
Durante a brincadeira, ocorreu um desentendimento entre as crianças e o menino conseguiu subir na parede de madeira pegou a espingarda que estava em um ponto alto.

Mesmo a espingarda sendo grande para o porte físico do menino, ele conseguiu apertar o gatilho apontando a arma contra ela que foi atingida no peito.
Ao ouvirem o barulho de tiro, os pais correram para casa e quando entraram encontraram a filha ainda de pé sangrando muito, e o menino assustado embaixo de uma cama.

O pai só teve tempo de colocar a criança no colo enquanto a mãe gritava por socorro. A criança morreu nos braços do pai.

O delegado Thiago Duarte providenciou a documentação para o enterro da criança e solicitou a direção geral de Polícia, o envio de um psicólogo para ajudar a família, que está em estado de choque principalmente a criança que atirou.

Segundo o delegado, o pai das crianças responderá por posse ilegal de arma, previsto no Artigo 12 do Estatuto do Desarmamento e que a polícia verificou que não houve negligência por parte dos pais quanto ao local em que a arma era guardada, mas infelizmente em um momento de fúria o menino superou todos os obstáculos e alcançou a arma.

 

 

Assuntos desta notícia

Join the Conversation