Deputada Perpétua Almeida visita Educandário de Cruzeiro do Sul no PAC II

deputada_perpetua_2

A deputada federal Perpétua Almeida (PCdoB) vai tentar colocar recursos para o Educandário de Cruzeiro do Sul através do PAC II.
A parlamentar acreana ficou sensibilizada com o trabalho que vem sendo realizado em prol da sociedade cruzeirense através da creche e escola maternal (integral), além da escola de ensino infantil.

A escola funciona como um anexo da Escola Divina Providência e atende crianças na faixa de 02 e 03 anos de idade.
O estado e a prefeitura de Cruzeiro do Sul fornecem professores e merenda para auxiliar no trabalho desenvolvido sob a direção da irmã Ancilla e da coordenação da professora Salete.

A escolinha/creche atende uma média de 170 crianças oriundas de famílias carentes, cujos pais em função do trabalho em período integral não tem condições de cuidar dos filhos e nem com quem deixa-los. O critério para aceitar essas crianças é que os pais trabalhem fora de casa. Para tanto, são realizadas visitas e acompanhamento familiar.

Mesmo com o auxílio do governo do estado e da prefeitura de Cruzeiro do Sul, a creche passa por dificuldades porque as crianças passam o dia inteiro na escola e necessitam de alimentação e material de limpeza e didático além de brinquedos e roupas. Por isso a deputada federal Perpétua Almeida decidiu tentar incluí-la no PAC II, que prioriza as obras sociais.

“ Vou agilizar a conversa no sentido de buscar auxílio junto ao PAC e na ajuda para a  elaboração de projetos para a captação de recursos porque fiquei realmente sensibilizada com o trabalho realizado na escolinha. Pretendo também usar esse trabalho como exemplo para cobrar do governo federal mais investimento em creches. Afinal o país preparou as mulheres para ocupar postos no mercado de trabalho, mas não se preparou para dar a elas a infra-estrutura necessária para assegurar o cuidado com os filhos. E, mãe não trabalha bem se não tiver certeza que os filhos estão bem cuidados. É o mínimo que o Estado pode fazer por suas mulheres trabalhadoras”, destacou a deputada comunista.

Assuntos desta notícia

Join the Conversation