Comunidades terapêuticas treinadas para tratar usuários de drogas

Curso encerrado nesta sexta-feira, reuniu 50 alunos capacitados por professores da Federação Brasileira de Comunidades Terapêuticas
terapeuticos 
Encerra nesta sexta-feira, 18, no Centro de Convenções do Hotel Imperador Galvez, em Rio Branco, o Curso de Prevenção e Tratamento aos Usuários de Drogas. São 50 alunos que estão sendo capacitados por professores da Federação Brasileira de Comunidades Terapêuticas.

O evento é uma promoção do Governo do Estado – através de convênio firmado entre as secretarias de Segurança Pública (SESP) – e da Secretaria de Saúde (Sesacre) e tem participação direta da Central de Articulação das Entidades Estadual em Saúde (CADES), responsável pela seleção dos alunos do curso. Todos diretamente ligados às comunidades terapêuticas voltadas para o tratamento de usuários de drogas.

Um estudo feito pela SESP identificou que haviam muitas instituições envolvidas no assunto, mas sem as qualificações necessárias, ou pelo menos, que usassem um modelo padronizado no tratamento.

“Era cada instituição usando métodos deferentes e nem sempre os resultados eram os esperados”, esclarece a Secretária de Segurança Pública, Márcia Regina.

Em uma segunda fase, serão capacitados monitores que irão fazer um trabalho de campo na área do segundo Distrito da Capital, identificando o perfil dos usuários de drogas naquela área da cidade.

A escolha do Segundo Distrito seria em razão da implantação do projeto piloto do Governo do Estado, como as Zonas de Atendimento Prioritárias – ZAP’s a ser usada como referência para as demais regiões, bairros e municípios do Estado.  (Assessoria / SESP)    

Assuntos desta notícia

Join the Conversation