Léo de Brito recebe apoio de lideranças do PT e do PC do B

“O Léo foi criado dentro do PT. O Léo é orgulho para todos nós”. Foi o que disse nesta segunda-feira à noite o ex-governador Jorge Viana, candidato ao Senado da Frente Popular, ao apostar na vitória da candidatura a deputado federal de Leonardo de Brito, presidente licenciado do PT e um dos líderes da juventude petista que começa a renovar a política no Acre.

Além de Jorge Viana, o candidato ao governo Tião Viana (PT) e o outro candidato ao Senado da Frente Popular, Edvaldo Magalhães (PCdoB), também disseram acreditar na vitória do jovem Leonardo, que é mais conhecido como “Léo de Brito” ou “Léo do PT”, como ele preferiu ser chamado na campanha.

O lançamento da campanha do presidente petista se deu no Buffet…, onde uma platéia formada de mais de 300 animados e vibrantes apoiadores de sua candidatura cantavam várias palavras de ordem, tal como “o projeto é radical, eu quero Léo pra deputado federal”.

O candidato Edvaldo Magalhães, que deve formar com Jorge Viana e Anibal Diniz o trio de senadores que irá colocar o Acre no Senado em pé de igualdade política com estados como São Paulo, Minas Gerais e Rio de Janeiro, previu que, além de Léo do PT, a Frente do PT fará no mínimo seis dos oito deputados federais da bancada acreana e a maioria dos deputados da Assembléia Legislativa.

“Tenho dedicado 20 anos de minha vida para ajudar pessoas que menos podem, menos têm e menos sabem” disse o candidato Léo de Brito, que contou com as presenças no evento de candidatos a deputado estadual como André Maia, Ermício Sena, Dimas Sander, Rose Costa, Ronaldo Queiroz e Ney Amorim, candidato à reeleição e líder do PT na Assembléia Legislativa.

“Que bonito é esse encontro de sonhos e gerações apoiando a candidatura do nosso querido Léo de Brito”, disse Tião Viana, ao se referir ao expressivo exército de apoiadores da candidatura do jovem petista, que tem mestrado em Relações Internacionais e “doutorado” em militância política, como costuma dizer em atos públicos.

Muito aplaudido, Léo do PT disse à animada militância presente ao lançamento de sua candidatura que seu mandato, caso vença nas urnas, “será um mandato do Acre e do Brasil, que irá se juntar aos três senadores e aos demais membros da bancada federal em Brasília para ajudar Tião Viana no governo, com Dilma eleita na Presidência da República, a melhorar ainda mais a vida do povo acreano. (Assessoria)

Assuntos desta notícia


Join the Conversation