MPE denuncia 24 integrantes de organização criminosa

O Ministério Público do Estado do Acre (MPE), por intermédio da promotora de Justiça de Sena Madureira, Patrícia Paula dos Santos, ofereceu no dia 26 de julho denúncia contra 24 integrantes de organização criminosa que financiavam a compra de substância entorpecente, geralmente pasta-base de cocaína, na cidade de Rio Branco para Sena Madureira.

De acordo com a investigação policial, os denunciados formavam uma verdadeira sociedade delinqüente de grande porte voltada ao tráfico de entorpecentes, com estrutura e divisão direcionada de tarefas, membros restritos, orientação para a obtenção de dinheiro, poder e o domínio territorial.

Os denunciados utilizavam da mão-de-obra de menores para fazer o transporte de drogas e eram responsáveis pela entrada de entorpecentes na Unidade Penitenciária. Além disso, realizavam a distribuição de droga nas imediações dos bairros Pista, Bom Sucesso e Siqueira Campos, levando insegurança e medo para toda a sociedade do município.

Visando garantir a segurança, o bem-estar e a paz da população, o MPE, após intenso período de investigação, denunciou todos os participantes da organização. Hoje, todos se encontram recolhidos no Presídio Evaristo de Moraes.

A promotora explicou que o processo está apenas começando e que há um grande caminho a ser percorrido, mas enfatizou que é muito importante que todos os envolvidos estejam presos.

“A droga é um dos maiores problemas da nossa sociedade, pois a maioria das tragédias está relacionada com o tráfico. Sendo assim, o início desta ação é de extrema importância para a sociedade de Sena Madureira, pois interrompe um ciclo de crimes que vem aterrorizando a comunidade”, disse.

A denúncia foi encaminhada a juíza de Direito da Comarca, Thaís Queiroz Borges de Oliveira Abou Khalil, que dará seguimento ao processo. (Ascom MPE)

Assuntos desta notícia


Join the Conversation