Presidiário em condicional é encontrado morto no Conjunto Rui Lino II

Através de uma denúncia anônima, policiais militares do 4° Batalhão foram informados na tarde de ontem, 21, que o corpo de um homem havia sido encontrado próximo à região das mangueiras, no Conjunto Rui Lino II, bairro Distrito Industrial.

Os militares foram averiguar a denúncia e constataram que o corpo de um homem identificado pelo nome de José Raimundo Farias da Costa, 43 anos, que era presidiário em liberdade condicional, estava caído embaixo de uma mangueira, local usado para tráfico de entorpecentes. Ele apresentava uma perfuração na região da cabeça e supostamente tenha sido executado a tiro.

De acordo com a polícia, no período da manhã, José Sebastião teria sido procurado pela polícia que pretendia cumprir um mandado de prisão contra ele, por quebra de benefício.

Farias era condenado por crime de furto e estaria há poucos meses em liberdade condicional, após ter recebido uma licença de sete dias para resolver problemas pessoais e não retornou ao presídio sendo considerado foragido da Justiça.

Assuntos desta notícia

Join the Conversation