Vândalos fazem “limpa” na casa de eletricista em plena luz do dia

A família do eletricista Aldenor de Oliveira Dantas, 47 anos, levou o maior susto no início da noite de sexta-feira, 15, quando chegou em casa após um dia de trabalho.
Vndalos_fazem_LIMPA_
Vândalos invadiram a propriedade e furtaram cerca de R$ 7mil em produtos eletro-eletrônicos, roupas, calçados e jóias da família. O crime aconteceu na Rua Mário Maia, Conjunto Láelia Alcântara.

Segundo informações de Aldenor, ele, a mulher e os dois filhos saíram de casa na manhã de sexta-feira para o trabalho, e ao retornarem no final da tarde, foram informados por vizinhos que três rapazes teriam invadido a casa.

“Pior que a ação dos bandidos é a omissão da polícia,” afirma vítima

Segundo Aldenor Oliveira, ele e a família viveram dois momentos, desespero e revolta. Primeiro quando entraram na casa e encontraram tudo revirado e diversos bens saqueados. Depois quando procuraram a polícia para pedir ajuda e foram “vítimas” de um “jogo de empurra”.

Oliveira conta que foram à delegacia do Conjunto Tucumã, onde lá foi informado que o delegado e o escrivão, não estavam e orientados a procurar a delegacia do Conjunto Adalberto Sena, ou seja, a Delegacia Central de Flagrantes  (Defla) da 5ª Regional.

Mas, naquela especializada foi informado que o delegado não estava e que deveria retornar somente na segunda-feira, 18, quando seria solicitada perícia técnica no local do crime, e que não poderia mover nada do lugar até a realização da perícia.

“Fomos violados em nosso direito à segurança e para piorar a polícia foi omissa e simplesmente fomos abandonados pelo poder público. Como podemos permanecer com uma casa aberta durante três dias, sem ter como arrumar nada, era melhor terem dito que não iam fazer nada, como não fizeram,” afirmou revoltado.

Vndalos_fazem_LIMPA_2

Vndalos_fazem_LIMPA_3

Vndalos_fazem_LIMPA_4

Vndalos_fazem_LIMPA_5

 

 

Assuntos desta notícia

Join the Conversation