Dilma diz que desafio do Brasil é superar extrema pobreza

Ao discursar hoje (20) na cerimônia de formatura de diplomatas do Instituto Rio Branco, a presidenta Dilma Rousseff afirmou que o grande desafio do Brasil é superar a extrema pobreza e aliar política social à econômica.

“Isso implica uma definição de estratégias e sabemos também que para ser um país próspero e democrático precisamos assegurar educação de qualidade para todos os jovens e desenvolver a pesquisa científica e tecnológica”, afirmou.

A presidenta afirmou que houve nos últimos anos uma mudança no país no sentido de fazer com que as política sociais e econômicas passassem a caminhar juntas. “Depois de década de estagnação o Brasil iniciou um ritmo de crescimento diferente daquele do passado, com olhar para o social.”

Dilma citou como conquistas ocorridas nos últimos anos a recuperação da infraestrutura do país, a redução da vulnerabilidade externa e o fato de o Brasil ter passado de devedor a credor internacional.

No próximo mês, a presidenta irá lançar um plano de erradicação da pobreza. Há no governo a preocupação de que o programa não tenha um caráter assistencialista. A finalidade é integrar ações de incentivos a arranjos produtivos, cooperativas, pequenos empreendedores, geração de empregos e qualificação profissional. (Agência Brasil)

Assuntos desta notícia


Join the Conversation