Corpo de ciclista atropelado e morto na AC 40 passa mais de 17 horas no IML

ciclista_morto_1

O acidente que matou o ciclista Jorge Pereira da Silva Tavares, 46 anos, aconteceu na tarde de segunda-feira, 01, na altura do km 82 da Rodovia AC 40, próximo ao município de Plácido de Castro.


De acordo com informações um veículo taxista teria atropelado e matado o ciclista. O motorista que não teve o nome revelado contou a Polícia que o ciclista teria cruzado a estrada e ele não teve como evitar o choque.


Com o impacto da batida a vítima foi lançada a cerca distância sofrendo múltiplas fraturas e morreu no local.


Corpo passa mais de 17 horas aguardando liberação no IML
O número de médicos legistas no Instituto Médico Legal – IML fez com que o corpo da vítima de acidente de trânsito ocorrido as 16h de segunda-feira, 01, somente fosse liberado do IML as 10h da manhã desta terça-feira, 02.


A longa espera pela liberação do corpo revoltou familiares da vítima que não tiveram tempo de velá-lo.


Segundo informações de Raimundo Divino Tavares de Lima, cunhando da vítima, ele chegou ao Instituto Médico Legal, IML por volta das 20h de segunda-feira, 01, e passou a noite toda aguardando a chegada de um médico legista para realizar o exame cadavérico e liberar o corpo o que somente aconteceu por volta das 10h de terça-feira, 02.


Falta médico legista diz direção do Instituto Médico Legal


Conforme o diretor geral de Polícia Técnico Cientifica, Perito Halley Vilas Boas, o departamento passar por dificuldades devido à carência de médicos legistas para resolver a situação o governo do estado esta providenciando junto a Secretaria de Polícia, e deve anunciar nos próximos dias edital de concurso público para contratação de profissionais da área em quantidade necessária para resolver o problema de forma definitiva a escala de médico legista no Instituto Médico Legal.

 

ciclista_morto_2

 


Assuntos desta notícia

Join the Conversation