Associação volta a defender férias de 60 dias para juízes

 A Ajufe (Associação dos Juízes Federais do Brasil) divulgou nota ontem para defender a manutenção de 60 dias de férias para magistrados do país. A nota foi motivada por declarações do presidente do STF (Supremo Tribunal Federal), ministro Cezar Peluso, que defende a redução para 30 dias.

 Na nota, a associação afirma que a questão “foi posta de uma maneira por demais simplista e destoante com o que pensa a ampla maioria dos juízes brasileiros”.

 Para a Ajufe, os juízes têm direito a 60 dias de férias porque a jornada de trabalho deles não é definida. Segundo a associação, os juízes trabalham habitualmente mais do que é proposto pela lei.  (Folha de S.Paulo)

 

 

Assuntos desta notícia


Join the Conversation