Pular para o conteúdo

Moradores do bairro da Glória fecham a Estrada da Sobral com pneus e entulhos

Manifesto Sobral  - OL 2 Moradores do bairro da Glória interditaram, com pneus e entulhos, a Estrada da Sobral e adjacências nesta segunda-feira, 9, em protesto pelas más condições das ruas do bairro. Segundo eles, por não haver rede de drenagem, a água da chuva invade as casas causando prejuízos materiais e a saúde da população.

 De acordo com a moradora Lia Gomes, a rua não oferece condições de tráfego. Quando chove, as crianças não conseguem ir à aula. “Têm idosos, cadeirantes que moram nas ruas Glória, C e Travessa Cavalcante. São quase 300 famílias, estamos cansados de tanta lama e prejuízo”, desabafa.

 As máquinas chegaram a entrar no bairro e iniciaram as obras, mas pouco tempo depois, e sem terminar o serviço, as máquinas foram para outro ponto do bairro, deixando o que já era ruim, ainda pior, afirmam os moradores.

 “Só vamos liberar a estrada quando as máquinas estiverem trabalhando nestas 3 ruas”, garante os moradores.

 A Polícia Militar esteve no local para sinalizar aos motoristas desavisados e garantir a tranquilidade dos manifestantes. De acordo com o representante da Secretaria de Articulação Política de Rio Branco, Francisco Pereira, e a presidente da associação de moradores do bairro da Glória, Eliane Rego, as obras não andaram devido ao atraso causado pelos entraves no processo licitatório das ruas.

 “As máquinas hoje estão numa rua próxima, mas não têm como tirar elas deste serviço para fazer as ruas que eles querem. Os tramites do processo de licitação prejudicaram o andamento das obras, mas as melhorias irão chegar às 3 ruas que eles reivindicam”, explica a presidente do bairro.

 De acordo com Francisco Pereira, a Emurb irá assumir as obras e executar os trabalhos que estão inacabados em três ruas do bairro.

 Por não ser ter sido atendida a reivindicação dos moradores, até o fechamento dessa edição a estrada continuava fechada.