Pular para o conteúdo

Gazetinhas 02/10/2013

* Que calor!

* 38º C na sombra, no ar condicionado.

* Mas vai chover granizo!

* A propósito de previsão meteorológica, ele, Davi Friale, filiou-se ontem ao PSDB e pode sair candidato a deputado.

* Seu slogan: “vai esquentar”.

* Ou “vai nevar”.

* Agora, falando sério, estudo divulgado ontem pelo Painel Intergovernamental sobre Mudanças Climáticas (IPCC) traz um dado preocupante e que interessa também ao Acre:

* se secas persistirem por mais tempo, a Amazônia poderá perder até 70% de sua área.

* Sobretudo na parte mais ocidental, onde o Acre está localizado.

* Mas calma aí: a previsão é para até o final deste século.

* Mesmo assim, todo o cuidado com os desmatamentos e outras formas de agressão à floresta.

* A Amazônia sem floresta, sem água acaba.

* Na política, começou a contagem regressiva para as filiações e o troca-troca de partidos dos pretensos candidatos às eleições do próximo ano.

* O prazo vai até sábado, 5.

* O que chama atenção é esse chorrilho de novos partidos que estão se formando para servir de aluguel.

* Por exemplo, já havia um Partido Republicano, mas acabam de criar outro. 

* O Pros (Partido Republicano da Ordem Social).

* Como já havia o PV (Partido Verde), mas acabaram criando o PEN (Partido Ecológico Nacional).

* Nada contra se essa história não envolvesse dinheiro público, pois, cada partideco desses tem direito ao chamado Fundo Partidário.

* Recursos que poderiam ser empregados na saúde, na educação, na segurança pública…

* Além do que, em nada acrescentam ao aprimoramento da democracia.

* Ao contrário, acabam servindo como moeda de troca.

* Ou “feirão” como está sendo chamado o troca-troca de partidos.

* Enquanto isso, a propalada reforma política, que deveria acabar com essa bandalheira, vai sendo adiada sine die.

* Deixa pra lá.

* Bom e oportuno o debate puxado ontem por esta GAZETA sobre a maioridade penal.

* Os políticos querendo a redução e os magistrados e outros que trabalham com os jovens afirmando que a “solução é simplória”, como disse o juiz Romário Divino.

* Pelas redes sociais, acreanos que estão estudando Medicina na Bolívia comemoraram a decisão do ministro da Saúde, Alexandre Padilha, e do governador Tião Viana de os contratarem pelo programa ‘Mais Médicos’.

* Como se noticiou ontem, são mais de 350 profissionais.

* Hoje tem bola rolando pelo Brasileirão.